Ampliar imagem | Tamanho original
Um pequeno museu na antiga cidade de Almeria, situado ao lado da catedral, é separado apenas por uma rua estreita de pedestres. O projeto localiza-se em um terreno irregular, resultante da adição de pequenas parcelas remanescentes do tecido urbano, sendo que somente uma fachada enfrenta a parte de trás da catedral, com suas paredes de alvenaria de arenito acima dela. O edifício é concebido como um único volume que se adapta à natureza aleatória da trama e seu espaço gira em torno de um grande vão central, de pé direito 7,50 m. A iluminação é zenital, através de quatro grandes claraboias profundas que introduzem luz indireta, com um nível uniforme. Esta estrutura simples e sóbria estabelece um diálogo com a Catedral, em uma linguagem contemporânea. Enfrentando as fortes paredes de alvenaria de arenito da Catedral, um volume é construído onde todas as paredes, fachadas e telhado, são construídas em grandes partes de pedra bateig, com 4 cm de espessura, aplicada com juntas abertas. O outro material utilizado é o aço cortem, em uma porta de 2,5 metros ao nível da rua e englobando as quatro claraboias na cobertura. Na extremidade leste do salão principal, uma porta de 6 metros é integrada com a empena cega da fachada. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar