Pagina inicial

Conheça a história por trás da nova identidade da nossa marca

Saiba mais
  1. ArchDaily
  2. Fachada

Fachada: O mais recente de arquitetura e notícia

Estes protótipos CNC foram mapeados em 3D a partir de formas naturais

Ishi Kiri / Fasetto. Cortesia de Anoma
Ishi Kiri / Fasetto. Cortesia de Anoma

Anoma, liderada pela artista indiana Ruchika Grover, é um estúdio de design de produto que explora o potencial da pedra natural. Suas superfícies, esculturas e instalações são criadas através de um processo único, que combina fabricação digital e mão de obra tradicional.

Ishi Kiri / Haibu. Cortesia de AnomaThe breathing surfaces / Raza. Cortesia de AnomaFoliage / Monstera. Cortesia de AnomaKinetic #07. Cortesia de Anoma+ 23

Jaime Larraín e Osvaldo Larraín: a fachada como proposta urbana moderna no Chile

© María González
© María González

O escritório chileno Jaime Larraín e Osvaldo Larraín se destaca, entre outras coisas, pelo tratamento compositivo de suas fachadas como elemento único. A dupla tem obras construídas nas cidades de Viña del Mar e Santiago que se identificam pela composição plástica particular das fachadas e pelo cuidado com o modo como seus edifícios impactam na imagem urbana.

Seus projetos lidam com temas como a criação de ritmos, o uso da cor e a repetição como princípios compositivas, sobretudo em propostas urbanísticas que, a partir das considerações anteriores, se destacam em seus edifícios de habitação coletiva.

Perspectivas urbanas reimaginadas pelas lentes de Nikola Olic

© Nikola Olic
© Nikola Olic

Como parte de seu trabalho recente, Nikola Olic - fotógrafo sérvio radicado em Dallas, Texas - explora a “fotografia de arquitetura através da abstração das estruturas, reinventando a representação de suas formas de uma maneira lúdica, adimensional e desorientadora”. Sua abordagem fotográfica muitas vezes isola os elementos compositivos das fachas, ofuscando a percepção do espectador em relação a sua orientação, escala e perspectiva. O fotógrafo fornece apenas pequenas descrições sobre suas imagens, desmistificando a representação da arquitetura e fazendo-nos lembrar da natureza cotidiana deste assunto. Neste terceiro volume fotográfico compartilhado com o ArchDaily, serão apresentadas fotografias de obras em Dallas, Fort Worth, Las Vegas, Nova Iorque, Los Angeles, Long Beach e Hong Kong.

© Nikola Olic© Nikola Olic© Nikola Olic© Nikola Olic+ 22

Como construir uma fachada com materiais reciclados: 16 exemplos impressionantes

Cortesía de MAPCortesía de Project.DWG + LOOS.FMCortesía de Wang Shu, Amateur Architecture Studio© Quang Tran+ 33

Buscando apoiar os arquitetos a se tornarem agentes ativos na reciclagem sustentável, esta semana apresentamos uma seleção de fachadas que trabalham com diferentes materiais reciclados. Além dos usos típicos de plástico e vidro, reunimos exemplos de materiais inovadores como colchões de molas, recipientes de sorvete, cadeiras de plástico e descartes de produtos agrícolas e industriais.

Para lhe inspirar a projetar e construir uma fachada atraente usando materiais reciclados, compilamos a seguir 16 exemplos notáveis. 

KAAN Architecten projeta novas fachadas do iCampus de Munique

O escritório KAAN Architecten, com sede em Roterdã e São Paulo, venceu a concorrência da R&S Realty II para projetar três fachadas corporativas para o novo iCampus de Munique. O projeto se localiza no distrito de Werksviertel, de caráter industrial e criativo.

RKW Architektur + se esforçou para representar a indústria criativa de hoje através de espaços transparentes nos edifícios corporativos nomeados Alpha, Beta e Gamma. As fachadas do KAAN para os edifícios mantêm a identidade dessas arquiteturas ao passo que contribuem com a composição do conjunto.

1500 cestas semi-transparentes são usadas para construir uma fachada leve

O projeto de Hyunje Joo para uma fachada na Coréia é uma proposta que aborda a separação entre o interior e o exterior com a construção de um elemento arquitetônico flexível, leve e reciclável.

O projeto, uma superfície com 1500 cestas semi-transparentes, difunde a luz e as silhuetas ao mesmo tempo em que pode ser reutilizado com diferentes configurações em diferentes locais.

LAVA inicia a construção de uma torre de energia escultórica na Alemanha

Teve início a construção do projeto de renovação da torre de armazenamento de energia que o escritório LAVA (Laboratório para Arquitetos Visionários) projetou em Stadtwerke Heidelberg (SWH) em Heidelberg, na Alemanha. A nova fachada da torre cilíndrica de 56 metros e o projeto de um parque adjacente fazem parte de uma iniciativa para criar um marco escultural e símbolo de energia sustentável para a cidade.

Para adicionar dinamismo à antiga torre, o LAVA apresenta uma nova fachada em várias camadas com 11 mil placas de aço inoxidável em forma de diamante, as quais estão conectadas a uma rede de cabos de aço que pode girar até 45 graus com o vento. De acordo com os arquitetos, a quantidade de placas corresponde ao número de famílias que serão beneficiadas com a energia produzida. As geometrias da fachada foram inspiradas por formas encontradas na natureza.

Cortesia de LAVACortesia de LAVACortesia de LAVAElevações+ 18

Este edifício economiza energia através da fachada com camadas de vidro e persianas perfuradas

O escritório italiano Giovanni Vaccarini Architetti projetou, no centro histórico de Genebra, os novos escritórios da nova sede da Sociedad Privada de Gérance (SPG). O trabalho envolveu a conversão e extensão do edifício existente, começando com uma fachada de vidro que atende à necessidade de garantir a proteção solar para os interiores e, ao mesmo tempo, permitir máxima permeabilidade visual.

Esta fachada também permite melhorar o desempenho acústico e térmico do edifício: a dupla camada permite que o envelope seja ventilado naturalmente e o sistema de ventilação perimetral, combinado com o sistema de ventilação forçada interna, reduz o consumo de energia total. Os elementos estruturais de aço da fachada, produzidos por Stahlbau Pichler produzem um ritmo modular sobre os painéis de vidro, dando um peso material aos reflexos de luz.

Museu dos Irmãos Grimm / kadawittfeldarchitektur

© Jan Bitter© Jan Bitter© Jan Bitter© Jan Bitter+ 35

Kassel, Alemanha
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  6000
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Hunter Douglas, Derako, Hunter Douglas Architectural (Europe)

Arte e Arquitetura: Ilustrações coloridas de fachadas ecléticas de Tel Aviv

Faça um passeio virtual pelas ruas de Tel Aviv com estas ilustrações das fachadas da cidade pelo designer gráfico Avner Gicelter. “Meu objetivo é capturar a essência única das características dos edifícios em minhas ilustrações, utilizando um conjunto mínimo de elementos gráficos", explicou. "Depois de realizar a ilustração do edifício, escolho uma cor de fundo e uma tipografia que reflete o ambiente Tel Aviviano".

Com a ideia de capturar a arquitetura única no centro de Tel Aviv, Gicelter já ilustrou mais de 70 edifícios diferentes.

Conheça algumas das ilustrações de Gicelter, a seguir, e veja seu site para obter mais informações. Suas ilustrações também estão a venda no Etsy.

24 Chen Blvd.. Image © Avner GicelterKing Albert Square. Image © Avner Gicelter3 Nezach Israel St.. Image © Avner Gicelter17 Shmaryahu Levin St.. Image © Avner Gicelter+ 12

Em detalhe: Fachada biológica por Studio Marco Vermeulen

© Ronald Tilleman
© Ronald Tilleman

Atualmente, a indústria petroquímica busca ansiosamente por novos materiais orgânicos que eventualmente possam substituir aqueles derivados do petróleo. Ainda que estas investigações estejam em fase inicial, são muito significativas para o campo da arquitetura e construção.

Essa estação receptora de gás, projetada pelo Studio Marco Vermeulen, é revestida por painéis fabricados com Nabasco, um composto de bioresina e fibras de cânhamo produzido pela NPSP Composites, transformando-se na primeira fachada do mundo a ser construída com base em resíduos orgânicos.

© Ronald Tilleman© Ronald TillemanCortesia de Studio Marco VermeulenCortesia de Studio Marco Vermeulen+ 12

Proposta para 260 unidades habitacionais em Casablanca, Marrocos, por Herreros Arquitectos

O escritório Herreros Arquitectos compartilhou conosco um de seus mais recentes projetos de uso misto para Casablanca, Marrocos. Resultado de uma série de variáveis urbanas, espaciais, formais e de sustentabilidade, o projeto - que inclui habitações, comércios e um espaço desportivo - se caracteriza por apresentar uma fachada permeável que responde diretamente às variáveis climáticas e gera espaços abertos ligados a cada unidade habitacional; essa fachada representa um padrão decorativo tradicional reinterpretado em traços geométricos contemporâneos. O projeto venceu um concurso internacional promovido pela prefeitura de Casablanca e foi apresentado no pavilhão do Marrocos na Bienal de Veneza 2014.

Arte e Arquitetura: uma residência derretida por Alex Chinnec

Criado pelo designer e artista britânico Alex Chinneck, esta intervenção divertida cria a ilusão de uma casa abandonada com uma fachada de tijolos que derrete. Sob o título "Dos joelhos do meu nariz para a barriga dos meus dedos dos pés", esta peça surrealista se instalou na cidade costeira de Margate.

Mais informações, a seguir.

© Vía Alex Chinnec© Vía Alex Chinnec© Vía Alex Chinnec© Vía Alex Chinnec+ 15

Técnica e Aparência: o Desafio do Presente / David Leatherbarrow

Casa Jardim / Tham & Videgård Hansson

© Ake E:Son Lindman

Fachada Liverpool / Iñaki Echeverria

© Jaime Navarro

Filial do BTV em Innsbruck / Rainer Köberl

© Lucas Shaller

Iluminação da fachada do Harpa Concert Hall / Olafur Eliasson