Thomas Lewandovski

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE FOTÓGRAFO

Em foco: Le Corbusier

"Espaço e luz e ordem. Estas são as coisas que os homens precisam tanto quanto precisam de pão ou um lugar para dormir."

Hoje, celebramos o 130° ano de nascimento de Charles Edouard Jeanneret-Gris (1887-1965), mais conhecido como Le Corbusier.

O arquiteto, urbanista, designer, pintor e escritor suíço é amplamente considerado um dos pioneiros do movimento moderno na arquitetura. Durante os 50 anos em que trabalhou com arquitetura, teve obras construídas por toda a Europa, Índia e Estados Unidos.

Em foco: Walter Gropius

"Arquitetos, escultores, pintores, todos devemos retornar ao artesanato, pois não existe "arte por profissão". Não há nenhuma diferença essencial entre artista e artesão, o artista é uma elevação do artesão."

Clássicos da Arquitetura: Bauhaus Dessau / Walter Gropius

© Thomas Lewandovski© Thomas Lewandovski© Thomas Lewandovski© Thomas Lewandovski+ 29

Dessau, Alemanha

Cidades invisíveis e o pano de vidro: o último remanescente do modernismo

Poucos dos princípios arquitetônicos desenvolvidos no século XX foram tão amplamente aceitos como o pano de vidro, com a tecnologia que vai de uma característica implícita dos Cinco Pontos de Arquitetura de Le Corbusier ao tratamento de fachada em todo o mundo. Neste artigo, originalmente publicado no Australian Design Review como "Invisible Cities - The Last Remnant of Modernism", Annabel Koeck argumenta que o pano de vidro, inicialmente apreciado por sua transparência, está agora fazendo edifícios e até cidades inteiras invisíveis devido à sua ubiquidade diáfana - às custas da expressão arquitetônica.

Os arquitetos noruegueses do Snøhetta projetaram a estrutura de vidro para o Pavilhão de entrada do Memorial Nacional 11 de Setembro, que parece se camuflar com o fundo composto por panos de vidro que definem o skyline de Nova Iorque. É certo que o pavilhão de Snøhetta foi concebido por um programa muito diferente, definido pela timidez e sutileza; ainda que paradoxalmente, foi o pano de vidro que facilitou isso. Com vista para a Piscina Sul em direção a uma série de fachadas envidraçadas que dominam o horizonte, é irônico que uma técnica modernista – o pano de vidro – poderia agora significar o fim para a diversidade arquitetônica nas cidades.

Fraunhofer-Institut TZA / JSWD Architekten

©  Thomas Lewandovski©  Thomas Lewandovski© Felix Krumbholz© Felix Krumbholz+ 13

  • Arquitetos: JSWD Architekten
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  2
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2010