Pedro Napolitano Prata

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE FOTÓGRAFO

Restaurante Julice Boulangère Pinheiros / StudioARQBR Arquitetos Associados

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 50

Juquehy Praia Hotel - Solarium, Alojamento e Apoio / Piratininga Arquitetos Associados

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 21

Feito para durar: as contribuições do aço inoxidável à arquitetura

Pouco antes da Primeira Guerra Mundial, Harry Brearley (1871-1948), que já trabalhava como operário em uma metalúrgica desde os 12 anos de idade, desenvolveu o primeiro aço inoxidável. Buscando resolver um problema de desgaste das paredes internas das armas do exército britânico, ele acabou obtendo uma liga metálica resistente à corrosão, agregando cromo ao ferro fundido. A invenção encontrou aplicações em quase todos os setores da indústria, desde a produção de talheres, equipamentos de saúde, cozinha, indústria automotiva, entre muitas outros, substituindo materiais tradicionais como o aço carbono, cobre e até alumínio. Na construção civil isso não foi diferente e o aço inoxidável logo foi incorporado às edificações.

Escola Estadual Jardim Romano / H+F Arquitetos

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 27

  • Arquitetos: H+F Arquitetos
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  4200
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2008
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Neo Rex

Vantagens e características da alvenaria estrutural

O Monadnock Building, em Chicago, teve sua construção iniciada em 1891 e segue em uso. O edifício evidencia uma fachada sóbria sem grandes ornamentos e uma altura muito expressiva - à época - de 16 pavimentos. É considerado o primeiro arranha-céu construído em alvenaria estrutural, com tijolos cerâmicos e uma base de granito. Para suportar toda a carga da edificação, as paredes estruturais no térreo têm 1,8 metros de espessura, enquanto na parte superior, 46 centímetros. Cento e trinta anos depois, este sistema construtivo continua em voga e permite erigir edifícios mais altos, com paredes muito mais delgadas, atingindo racionalidade e economia na obra. Mas do que se trata a alvenaria estrutural, como utilizá-la nos projetos de arquitetura e em quais edificações este sistema é mais indicado?

Reforma de Casa na Rua Rocha / entre escalas

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 27

  • Arquitetos: entre escalas
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  145
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2016
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Mekal, Concresteel, Deca, Ladrilar

Apartamento Cayowaá / Garoa

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 15

  • Arquitetos: Garoa
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  110
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Alumistone, ArTerra Içamentos, Banho Box, Deca, Equigás, +4

Pistor Pães Artesanais / Estúdio Artigas

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 20

São Paulo, Brasil
  • Arquitetos: Estúdio Artigas
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  65
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2020
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Daikin, Deca, Eliane, Pierini Revestimentos, Tinta Coral

Divisórias e corrediças: mecanismos móveis para aproveitar espaços pequenos

Na Bienal de Veneza de 2014, o célebre curador Rem Koolhaas escolheu um caminho pouco usual. No lugar de explorar as grandes questões que assolam a profissão e a sociedade, o tema do evento, "Fundamentals" e sua exposição principal, "Elements of Architecture", examinou em detalhes todos os fundamentos dos edifícios, usados por qualquer arquiteto, em qualquer lugar, a qualquer hora. Segundo Koolhaas, “Arquitetura é uma profissão treinada para juntar as coisas, não para desmontá-las. Somente olhando os elementos da arquitetura sob um microscópio podemos reconhecer as preferências culturais, avanços tecnológicos, mudanças desencadeadas pela intensificação do intercâmbio global, adaptações climáticas, normas locais e, em algum lugar na mistura, as ideias do arquiteto que constituem a prática da arquitetura hoje.”

Pontes e passarelas para conectar espaços: 15 projetos de arquitetura na América Latina

Residencia M&M / Bonina Arquitetura. Image © Tony ChenCasa Candelaria / Llano Arquitectos. Image © Alejandro ArangoCasa MLA / Jacobsen Arquitetura. Image © Leonardo FinottiLa Tallera / Frida Escobedo. Image © Rafael Gamo+ 31

Pontes e passarelas são elementos de circulação horizontal que permitem estabelecer uma ligação física entre os espaços interiores ou exteriores de um projeto para resolver a sua articulação e poupar, em alguns casos, os desníveis existentes entre eles. Essas estruturas suspensas potencializam as conexões visuais entre os diferentes níveis e permitem criar percursos mais dinâmicos. 

Projeto de escolas: a arquitetura como ferramenta educacional

Dentro do conjunto de debates no campo da arquitetura, a relação entre o desenvolvimento projetual e a educação – especialmente infantil – tem ganhado destaque. A relação entre o campo da arquitetura junto à sociologia e filosofia, por exemplo, é notória. Muitas vezes, ao desenvolver um projeto, discussões entre estes campos são imbuídas projetualmente como instrumento potencializante das relações entre espaço e usuário. Quando pensamos especificamente na tipologia educacional dedicada a crianças, tomamos mecanismos que vão muito além de questões físicas de ergonomia, mas pensamos na arquitetura como ferramenta educacional.

Espaço Nexus / Fleury Arquitetura

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 28

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  400
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2016
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Braston, Arcelor Mittal – Perfilor, Cerâmica Seleta, Erco, Formica, +5

Apartamento Louvre / MARCOZERO Estúdio

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 20

  • Arquitetos: MARCOZERO Estudio
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  110
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Acier, Deca, Granitorre, Hauz, Lumax, +3

Restaurante Cajuí / VAGA

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 19

São Paulo, Brasil
  • Arquitetos: VAGA
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  210
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2020
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Cozil, Móveis Delucci, Paula Souza Cerâmicas

Escola Força Estudo Personalizado / Pianca Arquitetura + Gabriel Sepe + Quadradão

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 29

Restaurante Mensa / vapor arquitetura

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 26

São Paulo, Brasil
  • Arquitetos: vapor arquitetura
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  90
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017

Restaurante Corrutela / vapor arquitetura

© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata© Pedro Napolitano Prata+ 20

São Paulo, Brasil
  • Arquitetos: vapor arquitetura
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  238
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018