Masao Nishikawa

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE FOTÓGRAFO

Preenchendo lacunas: a arquitetura dos espaços residuais

Em praticamente todas as cidades do mundo, sempre encontraremos algum tipo de espaço residual: terrenos vazios, áreas abandonadas, lacunas deixadas entre uma obra e outra, espaços em branco, sem uso. Nestas circunstancias, uma série de lotes urbanos acabam se tornando inadequados ou inaptos à construção de tipologias convencionais. Entretanto, estas mesmas limitações podem se tornar um terreno fértil para a nossa imaginação. Ressignificar um espaço esquecido, uma esquina desocupada, becos sem saída ou terrenos de formatos estranhos pode nos abrir uma nova frente de trabalho, criando novas oportunidades para o desenvolvimento urbano como um todo. Seja ampliando os espaços existentes de moradia ou acrescentando novas atividades e programas em áreas densamente povoadas, ocupar terrenos residuais pode ser uma valiosa contribuição para a ativação do espaço urbano.

House in Nada by FujiwaraMuro Architects. Image © Toshiyuki YanoSO&CO's multi-storey retail and office building in Ginza. Image © Takumi OtaSO&CO's multi-storey retail and office building in Ginza. Image © Takumi OtaO House by Hideyuki Nakayama Architecture. Image © Takumi Ota+ 8

Os tijolos de vidro estão voltando, novamente, à arquitetura

Optical Glass House / Hiroshi Nakamura & NAP. Image © Koji Fuji / Nacasa & Partners, Inc.Ports 1961 Shanghai Façade / UUfie. Image © Shengliang SuNave Industrial RX / Emilio Alvarez Abouchard Arquitectura. Image © Camila CossioNave Industrial RX / Emilio Alvarez Abouchard Arquitectura. Image © Camila Cossio+ 36

Em 1977, um artigo do The New York Times escrito por Carter B. Horsley proclamava “o auge dos glamorosos tijolos de vidro”: antes um material “de segunda categoria”, os tijolos de vidro começavam a ganhar aceitação entre arquitetos em projetos residenciais e de restaurantes por sua translucidez, privacidade, interesse visual e senso de ordem. Após o uso breve, mas generalizado, de tijolos de vidro, muitos agora associam o material a estilos arquitetônicos desatualizados dos anos 80, uma estética que poucos parecem interessados em reviver. No entanto, arquitetos contemporâneos pioneiros começaram a usar esse material exclusivo de maneiras novas e distintamente modernas, seja para banheiros elegantes e minimalistas, bares e restaurantes industriais, janelas residenciais vintage ou até fachadas urbanas experimentais. Como Horsley afirmou, parece que os tijolos de vidro glamourosos estão no auge - de novo.

Loja Galeria Mutan / APOLLO Architects & Associates

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 30

Komatsu, Japão
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  63
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: LED, Nikka Stone, Washi Paper

Em foco: Kengo Kuma

Kengo Kuma (nascido em 8 de agosto de 1954) é um dos arquitetos japoneses de maior expressividade atualmente. Suas reinterpretações de elementos tradicionais da arquitetura japonesa envolvem inovações no uso de materiais naturais e novas formas de pensar a relação da luz com o espaço. Seus edifícios não buscam se dissolver na paisagem, como fazem algumas obras japonesas atuais, em vez disso, sua arquitetura busca manipular elementos tradicionais, criando obras de discurso claro que apresentam relação com seus entornos. Estas misturas de elementos tradicionais e high-tech se provaram bem sucedidos em todo o Japão e outras partes do globo, e a obra recente do arquiteto tem extravasado os limites da terra do sol nascente e invadido a China e outros países ocidentais. 

30 banheiros abertos: incorporando brisa e natureza no espaço privado

O espaço privado é geralmente associado a esconder o que acontece dentro, permitindo que as pessoas tenham certos momentos de intimidade. Habitualmente, banheiros foram concebidos para este fim, reduzindo as aberturas a um mínimo ou - por vezes - eliminando-as completamente.

No entanto, sendo um espaço tão importante dentro de um edifício, os banheiros se tornaram um objeto de nova exploração para os arquitetos. Desfocando os limites da privacidade - sem perder completamente - esses espaços estão abertos para o exterior, permitindo a entrada da brisa. Como esta nova experiência é percebida? Confira 30 banheiros abertos que brincam com o sentimento de exibicionismo, sem revelar completamente o que está acontecendo dentro.

© Sean Fennessy© Luis Gordoa© Shannon McGrathTreeVilla at Forest Hills / Architecture BRIO. Image © Photographix+ 37

Projetos de pequenos cafés: 20 exemplos com plantas e cortes

Cortesía de xm3Cortesía de Andrés JaqueCortesía de Office AIOCortesía de I Like Design Studio+ 59

O projeto de interiores de um café pode impulsionar ou afundar o negócio. Com um projeto convidativo, pode-se transformar a simples xícara de café em uma experiência maravilhosa. No entanto, quando se dispõe de apenas alguns metros quadrados e várias máquinas para alocar, não é fácil encontrar uma configuração espacial eficiente.

Para ajudar você a aproveitar melhor os pequenos espaços, reunimos uma seleção de 20 projetos de pequenos cafés, acompanhados pelos seus desenhos de planta.

6 dicas para projetar e construir uma casa pequena

Casas Pequenas (as famosas Tiny houses) se popularizaram nos últimos anos, à medida que os preços das moradias continuam subindo. Seja como um retiro ou uma maneira de viver de forma mais simples e econômica, casas minúsculas oferecem uma maneira mais flexível de habitar. Vem até sendo usadas por organizações de caridade, como a Tiny Homes Foundation na Austrália, como uma maneira de lidar com a questão da falta de moradia nas cidades e a necessidade de habitação social. À medida que a popularidade e a necessidade de lares minúsculos se tornam cada vez mais predominantes, conhecer as habilidades necessárias para projetar uma pequena casa para você ou para um cliente é uma habilidade útil a se ter.

Abaixo estão 6 dicas para se ter em mente ao projetar e construir uma pequena casa:

<a href='https://www.archdaily.com/790996/koda-kodasema'>KODA / Kodasema</a>. Image © Paul Kuimet<a href='https://www.archdaily.com/476916/minimod-mapa'>Minimod / MAPA</a>. Image © Leonardo Finotti<a href='https://www.archdaily.com/379927/micro-house-studio-liu-lubin'>Micro-house / Studio Liu Lubin</a>. Image Courtesy of Studio Liu Lubin<a href='https://www.archdaily.com/420623/portable-house-aph80-abaton-arquitectura'>Portable House ÁPH80 / Ábaton Arquitectura</a>. Image © Juan Baraja+ 10

Em Detalhe: Banheiros

O banheiro é um espaço que deixou de ter relevância puramente higiênica para ganhar certo protagonismo em alguns projetos.

Apresentamos a seguir uma seleção de 10 banheiros residencias publicados anteriormente no ArchDaily e a história deste recinto tão fundamental nas nossas casas.

Casa Y / Tsushima Design Studio

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 13

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  340
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015

Terminal / APOLLO Architects &amp; Associates

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 23

Casa Wrap / APOLLO Architects &amp; Associates

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 15

Matsuyama, Japão

NORD / APOLLO Architects & Associates

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 13

Mitaka, Japão

Grigio / APOLLO Architects & Associates

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 15

Setagaya, Japão

Casa Amor / Takeshi Hosaka

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 31

Yokohama, Japão

Laboratório de Inovação Kashiwa-no-ha / Naruse Inokuma Architects

© Masao Nishikawa © Masao Nishikawa © Masao Nishikawa © Masao Nishikawa + 19

Shanghai Vanke / Tsushima Design Studio

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 25

  • Arquitetos: Tsushima Design Studio
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  23320
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2012

Calm / APOLLO Architects & Associates

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 16

Fleuve / APOLLO Architects & Associates

© Masao Nishikawa
© Masao Nishikawa

© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa© Masao Nishikawa+ 17