Casa Funerária / Baito Architectes

Casa Funerária / Baito Architectes

© WE ARE CONTENTS© WE ARE CONTENTS© WE ARE CONTENTS© WE ARE CONTENTS+ 27

Bormes-les-Mimosas, França
  • Arquitetos: Baito Architectes
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  190
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2017
  • Fotógrafo Fotografias:  WE ARE CONTENTS
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Arkoslight, HUBLER, JUNG, Mosa, Winckelmans
  • Arquitetos Responsáveis:Caroline MENAGER / Mathieu MENAGER
  • Projeto De Iluminação:LM5P
  • Cidade:Bormes-les-Mimosas
  • País:França
Mais informaçõesMenos informações
© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS

Descrição enviada pela equipe de projeto. Localizado na base do “Massif des Maures”, o lote é relativamente contrastante. A oeste, em sua seção inferior, o terreno é relativamente plano. A leste, na parte superior, o terreno encontra-se em diferentes níveis, com bosques com vegetação silvestre constituída maioritariamente por carvalhos e pinheiros.

© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS

O terreno está situado em um bairro residencial perto do centro antigo de “Bormes Les Mimosas”. O objetivo com este projeto de Casa Funerária era criar um edifício em um ambiente familiar, sem ostentação. Dessa forma, cria-se um volume o mais denso possível para otimizar a metragem quadrada e minimizar seu impacto no lugar. Construído na colina, o projeto proporciona um espaço generoso à sua volta, permitindo um átrio e todas as vagas de estacionamento necessárias ao projeto. Este edifício, com uma volumetria simples, acolhe a abstração. Inspira-se na arquitetura local e proporciona aos seus usuários o conforto de se encontrarem num ambiente familiar. A ideia é partir de dentro para fora, mantendo as fachadas nuas para contrastar com a complexidade e a riqueza espacial do interior.

© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS

As fachadas são paredes cegas, abertas exclusivamente para fins de iluminação. Exprimem discrição e são a prova da simplicidade que os integra com fluidez no terreno e no entorno. Do hall, os salões familiares têm acessos independentes que permitem privacidade. Abertos no pátio, estão protegidos dos incômodos exteriores, mas ao mesmo tempo evitam que se sintam confinados, o que pode ser penoso num momento de luto.

© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS

A luz foi estudada para ser indireta, pontual e suavizada para permitir o luto sem ser observado. A penumbra enriquece a relação entre o falecido e sua família, a solicitação dos sentidos é, portanto, discreta a ponto de diminuir os ângulos da sala, proporcionando um ambiente favorável à meditação.

© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS

Uma grande porta liga a Capela do Repouso à zona técnica onde são preparados os corpos. É imprescindível tratar esta zona com o máximo cuidado, de forma a otimizar a preservação e preparação dos corpos. Por óbvias razões de discrição, a chegada dos veículos é planeada pelos fundos, permitindo que o manuseio seja feito fora de vista.

Planta
Planta
Corte
Corte

O projeto utiliza os códigos da arquitetura funerária: minimalismo, monumentalidade, luz, sombra… com o objetivo de criar uma arquitetura tranquila e duradoura.

© WE ARE CONTENTS
© WE ARE CONTENTS

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos

Localização do Projeto

Endereço:83230 Bormes-les-Mimosas, França

Clique para abrir o mapa
Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Cita: "Casa Funerária / Baito Architectes" [Funeral Home / Baito Architectes] 26 Mai 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/962152/casa-funeraria-baito-architectes> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.