Ampliar imagem | Tamanho original
O que nós vemos, o que nos olha. O visitante é conduzido pela presença de três arcos. O primeiro, uma acolhedora superfície em mármore verde Guatemala, convida-o a entrar no espaço. Quando delicadamente conduzido para o interior, o visitante antecipa a presença do segundo arco, localizado no final do espaço expositivo, com um suave fundo em verde claro durante o dia, ou vibrantes, mas difusas cores durante a noite, alterando a temperatura do real, iludindo a percepção do observador. O terceiro arco, invertido e localizado no piso superior, remate final dos consultórios, atua duplamente como miradouro para a rua, ou convite à exploração quando percecionado pelo utilizador ao entrar na loja. Um teto em aço inox polido torna-se num grande espelho invertido, convidando o utilizador à exploração de diferentes perspectivas do real. A exploração tectónica do calcário azul-ataíja é o “canvas” aglutinador de todo o projeto. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar