Ampliar imagem | Tamanho original
Falar de arquitetura e redes sociais é lembrar, imediatamente, do Instagram.  O aplicativo, lançado em 2010, desde o princípio se caracterizou por associar o compartilhamento de fotos a funcionalidades típicas das redes sociais. O sucesso foi extraordinário e em questão de horas após o lançamento já figurava como o aplicativo gratuito de fotografia com maior número de downloads. Em dois meses, o número de usuários cadastrados superava a marca de um milhão. Grande parte deste sucesso envolve a facilidade de edição e compartilhamento de fotos, impulsionadas pela evolução dos recursos tecnológicos de celulares focados na qualidade das imagens captadas pela câmera. Mesmo que inicialmente voltada à interação social, a rede foi percebida por diferentes nichos profissionais como uma excelente ferramenta para negócios. Foi o caso para o mercado de arquitetura, o qual sempre contou com o poder da imagem como forma de divulgação do trabalho do arquiteto. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar