Ampliar imagem | Tamanho original
Time 10 e as 3 pioneiras: Primeira Geração – O cooperativismo habitacional no Uruguai é hoje a modalidade de cooperativismo mais expressiva de todas, porém não é a única. Esse sistema transcende a questão da habitação e torna-se especialmente relevante na primeira metade do século XX: a empresa de transporte de ônibus de Montevidéu (CUTCSA) por exemplo, inicia seus trabalhos em 1937 como uma cooperativa. Em termos específicos, em 1989 foram registradas 843 cooperativas e, em 2017, este número sobe para 3.665 cooperativas em diversas áreas. Em 1908, vivia em Montevidéu 30% da população uruguaia, e, em 1970, esse número sobe para 80%. Enquanto a nação duplicou entre 1920 e 1960, a quantidade dos imóveis nas áreas urbanas quadriplicou no mesmo período. O Uruguai viveu os anos 1950 com prosperidade. O PIB percapita do país era um dos mais altos do mundo, devido à posição de maior exportador de produtos derivados da criação de gado, principalmente o couro, carne e lã. O sucesso da pecuária incentivou a urbanização precoce do país. No entanto, daí em diante, a taxa de crescimento da urbanização fica cada vez mais estática, e a economia começa a esfriar (BARAVELLI, 2006, p. 56).  Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar