Ampliar imagem | Tamanho original
Ligados a um imaginário arquitetônico dos anos 80, os tijolos – ou blocos – de vidro são elementos construtivos que voltaram a ter sua potência plástica notada e revisitada pela produção contemporânea. Com sua primeira patente registrada em 1907, esse produto foi elaborado a partir da demanda por iluminação nas áreas internas das edificações, mas é pelos efeitos visuais produzidos por sua translucidez e textura que ele é procurado. Atualmente, vem sendo empregado em diferentes contextos, de banheiros a divisórias residenciais e, até mesmo, fachadas inteiras de bares, lojas e restaurantes. Artigo relacionado:Os tijolos de vidro estão voltando, novamente, à arquitetura Reunimos uma seleção de dez projetos nacionais que exploram a possibilidade de entrada de luz e efeitos de transparência que o tijolo de vidro proporciona aos ambientes internos. Sua versatilidade se comprova na variedade de programas e usos, nos formatos e tamanhos, e, sobretudo, no tipo de atmosfera que esse componente pode criar. Conheça esses projetos a seguir. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar