Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Casa do Pinheiro Manso / Atelier in.vitro

Casa do Pinheiro Manso / Atelier in.vitro
© José Campos
© José Campos

© José Campos © José Campos © José Campos © José Campos + 19

Porto, Portugal
  • Arquitetos: Atelier in.vitro
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  250
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2015
  • Fotógrafo Fotografias:  José Campos
  • Arquiteto Responsável: Joana Leandro Vasconcelos
  • Estruturas: NCREP, Consultoria em Reabilitação do Edificado e Património, Lda
  • Hidráulica: Eng. Bruno Miranda
  • Infraestruturas Mecânicas: Niluft Engenharia Lda
  • Infraestruturas Elétricas: JV Engenharia Unip. Lda
  • Acústica: Ricardo Silva Engenharia
  • Construção: Lógica2
  • Prémio: Honourable Mention Prize Nuno Teotónio Pereira (former IHRU Prize), Category of Housing Buildings
Mais informações Menos informações
© José Campos
© José Campos

Descrição enviada pela equipe de projeto. O objetivo era reabilitar a Casa do Pinheiro Manso, típica do Porto burguês do século XIX, construída em um lote longo e estreito, com duas frentes e um quintal, mantendo as características originais da casa e proporcionando-lhe espaços amplos e luminosos. , mais ajustado ao desejo dos proprietários.

© José Campos
© José Campos
© José Campos
© José Campos

O térreo, em péssimo estado de conservação, e com uma relação direta com o jardim que se destinava a melhorar, sofreu uma grande transformação em termos de elementos construtivos e organização espacial, mantendo a função social. Nesse andar, uma linguagem distintamente contemporânea foi assumida através da criação de espaços mais amplos com portas e painéis de altura total. Em particular, na separação entre a cozinha e a sala de estar, uma porta foi construída com ferro e vidro, ampliando o passagem de luz entre os espaços e tornando o relacionamento mais fluido.

© José Campos
© José Campos

Nos dois andares superiores, que receberam os quartos e uma sala de estar mais privada, a intervenção incluiu a reabilitação da maioria dos elementos construtivos existentes, como carpintaria, portas, etc. Um caráter moderno foi dado aos novos banheiros, garantindo sua adaptação aos requisitos atuais de uso.

© José Campos
© José Campos

A fachada principal, parte de um conjunto de 2 casas construídas simultaneamente, foi reabilitada. Na fachada traseira, que já havia sido alvo de uma mudança em meados do século XX, as janelas e portas foram aumentadas para garantir uma conexão mais ampla com o jardim: na sala principal, localizada no térreo, através da instalação de um conjunto de portas do tipo harmônico com cerca de 3,0 m de altura, permitindo, principalmente nos meses mais quentes, a fusão entre o jardim e a sala; na sala mais privada, localizada no primeiro andar, através da instalação de uma grande janela, permitindo o usufruto da vista para o jardim.

© José Campos
© José Campos

A combinação entre a reabilitação dos elementos construtivos existentes com a materialização de espaços mais amplos e modernos permitiu cumprir os principais objetivos da intervenção: respeitar o valor arquitetônico e patrimonial do edifício, aproveitando-o; escolher soluções que possibilitem uma experiência de acordo com os padrões atuais de conforto, preocupação desde o início manifestada pelos proprietários.

© José Campos
© José Campos

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa do Pinheiro Manso / Atelier in.vitro" 13 Mai 2020. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/939477/casa-do-pinheiro-manso-atelier-iitro> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.