Ampliar imagem | Tamanho original
Não é de hoje que arquitetos buscam a ideia de integração entre interior e exterior, diluindo os limites físicos e visuais na tentativa de trazer a paisagem para dentro da arquitetura. No entanto, ao visitar o terreno para o desenvolvimento projetual, duas situações distintas podem ocorrer: um terreno urbano, sem vistas ou elementos naturais; ou a presença vegetal pelo espaço, como árvores e maciços, por exemplo. No caso deste segundo, muitos são os projetos que tiram partido da posição de cada uma das árvores in loco para inserção do objeto arquitetônico, respeitando-as e criando novas vistas, através de pátios ou associado ao novo paisagismo. No entanto, é cada vez mais comum que estas, a partir de estudos da espécie e porte, componham o interior, estando parcialmente ou integralmente imersa dentro do espaço. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar