Ampliar imagem | Tamanho original
Famosa por seu plano urbano e edifícios cívicos, Chandigarh representa um fragmento icônico da arquitetura modernista. Este centro econômico e administrativo foi concebido para mostrar ao mundo o progresso da recém-independente Índia dos anos 50. Para o projeto urbano da cidade, o estado indiano contratou os arquitetos Albert Mayer e Matthew Nowicki, seguidos pela equipe formada por Le Corbusier, Pierre Jeanneret, Maxwell Fry e Jane Drew. A eles juntaram-se vários colegas indianos, e o projeto também foi uma oportunidade para arquitetos locais experimentarem as ideias e conceitos da arquitetura moderna. O plano final reflete os valores do modernismo e apresenta uma rede viária reticulada, segregação programática e  unidades de vizinhança auto-suficientes. Este ensaio fotográfico realizado por Roberto Conte registra a variedade de estruturas modernistas em Chandigarh, uma cidade que persiste enquanto inspiração visual e arquitetônica. Conte é um fotógrafo de Milão cujo trabalho se concentra na arquitetura do século XX, documentando projetos racionalistas, construtivistas e de vanguarda, brutalismo e modernismo soviético. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar