Ampliar imagem | Tamanho original
As recentes enchentes em Belo Horizonte e em outras cidades mineiras assustaram a população. Vídeos mostrando a força das águas arrastando carros e derrubando estruturas impressionaram todo o país. O estado de alerta não se resumiu a Minas Gerais. Grande parte do Sudeste enfrentou fortes chuvas, provocando grandes transtornos. No Espírito Santo, por exemplo, mais de 5 mil pessoas tiveram que deixar suas casas, e São Paulo entrou em estado de atenção por alagamentos. Enquanto isso, no Rio, uma situação envolvendo algas nos mananciais provocou o contrário: crise de água causada pela qualidade da água que chegava à torneira das pessoas. Esses acontecimentos deste começo de ano mostram o quanto as principais cidades do Brasil estão pouco preparadas para lidar com eventos climáticos extremos relacionados à água. O Brasil precisa de nova infraestrutura, tanto para as nossas cidades estarem mais bem adaptadas a chuvas, quanto para nosso sistema de abastecimento poder funcionar com mais eficiência. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar