Ampliar imagem | Tamanho original
Essa é uma residência de férias localizada na costa atlântica da Nova Escócia, adjacente à fazenda do arquiteto (Shobac). Ela é composta por três pavilhões em um terreno de dois acres que vai desde uma lagoa de sal no leste a uma ousada orla marítima a oeste. Esta pequena península historicamente sustentava um porto de pesca costeira. Este é um projeto proto-urbano, formando uma vila, juntamente com outras casas projetadas pelo arquiteto, no antigo local da aldeia de pescadores. A vila reconstituída é densa, exigindo um tratamento cuidadoso das vistas de e para cada edificação, a fim de otimizar a comunidade e a privacidade. Vários pátios são emoldurados entre as estruturas, criando microclimas que capturam o sol e bloqueiam o vento, seguindo as estações do ano e os rituais diários da habitação. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar