Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Arquitetos projetam o primeiro teatro do mundo em estrutura de madeira laminada cruzada

Arquitetos projetam o primeiro teatro do mundo em estrutura de madeira laminada cruzada

Há não muito tempo atrás, o concreto e o aço predominavam em absoluto nos canteiros de obra ao redor do mundo, principalmente quando se tratava de construir grandes estruturas. Mas à medida que avançamos no século XXI, esta tendência tem começado a mudar principalmente devido ao surgimento de novas tecnologias que por sua vez, tem provocado uma profunda mudança de paradigma na disciplina da arquitetura, apontando para uma maior eficiência, economia e sustentabilidade na industria da construção civil.

Os arquitetos Gilles Retsin e Stephan Markus Albrecht foram recentemente escolhidos como os grandes vencedores do concurso internacional de arquitetura para a ampliação do Meistersingerhalle, localizado na cidade de Nuremberg, na Alemanha. Trabalhando em colaboração com os engenheiros da Bollinger-Grohmann, os especialistas em meio ambiente da Transsolar e os especialistas em acústica da Theater Projects, Gilles Retsin e Staphan Markus Albrecht apresentaram a proposta daquela que será a primeira sala de espetáculos do mundo construída em estrutura de madeira laminada cruzada (CLT).

Cortesia de Filippo Bolognese
Cortesia de Filippo Bolognese

O Meistersingerhalle está localizado na região alemã da Baviera, uma região conhecida por suas extensas florestas, as quais fornecem uma enorme variedade de tipos de madeira para fins de construção. Esta localização privilegiada fez com que os arquitetos percebessem uma enorme oportunidade para o desenvolvimento de um projeto de arquitetura construído em estrutura híbrida de madeira. Os componentes estruturais de madeira serão pré-fabricados em uma industria próxima do local e posteriormente transportados para a obra garantindo um processo de construção rápido e econômico. Os módulos de madeira CLT serão inteiramente produzidos utilizando máquinas de corte CNC e sistemas automatizados.

Cortesia de Gilles Retsin Architecture e Studio Stephan Markus Albrecht
Cortesia de Gilles Retsin Architecture e Studio Stephan Markus Albrecht

O edifício de estrutura mista será composto por um volume superior projetado e construído em módulos de madeira CLT que será apoiado sobre um embasamento em estrutura de concreto. Embora existam tecnologias que permitam a construção dos núcleos de circulação vertical em estrutura de madeira, ainda não há consenso e códigos de obras específicos que regulamentem as condições de segurança contra incêndio destes tipos de estrutura. Por isso os núcleos do novo Meistersingerhalle foram projetados em de concreto. Ainda assim, a estrutura de madeira CLT do edifício foi concebida para superar os limites usuais deste tipo de estrutura, por isso, os engenheiros da Bollinger Grohmann projetaram um sistema com balanços de até nove metros no espaço interior do teatro, algo geralmente alcançado apenas com o uso de aço e concreto armado. Para alcançar esse resultado, os engenheiros desenvolveram um detalhe inovador de conexão da estrutura com a fachada de vidro, elementos capazes de absorver o movimento de dilação e retração da estrutura.

Cortesia de Gilles Retsin Architecture e Studio Stephan Markus Albrecht
Cortesia de Gilles Retsin Architecture e Studio Stephan Markus Albrecht

O projeto foi desenvolvido a partir do desenho da estrutura da sala de concertos, de dentro para fora. O espaço do teatro é o principal elemento programático assim como estrutural do edifício do Meistersingerhalle, construído com uma série de enormes pórticos de madeira que por sua vez, permitem a projeção dos enormes balanços que acolhem os espaços de apoio e o lobby do edifício ao redor da sala principal. Formalmente, o edifício pode ser visto como um grande cubo de madeira, uma estrutura coesa onde as paredes, forros, pilares e vigas operam em conjunto para um melhor desempenho estrutural do edifício como um todo. De forma didática, o edifício foi inteiramente revestido em vidro, permitindo que a estrutura seja vista e compreendida a partir de todas as direções, expondo seus elementos construtivos e comunicando sua lógica estrutural.

Cortesia de Gilles Retsin Architecture e Studio Stephan Markus Albrecht
Cortesia de Gilles Retsin Architecture e Studio Stephan Markus Albrecht

Para um melhor desempenho acústico, salas de concerto e teatros geralmente são projetados utilizando um sistema do tipo box-in-box. Esse método construtivo em forma de 'caixa', normalmente se refere à estrutura principal do edifício, a qual opera de forma independente da estrutura secundária do teatro, que por sua vez encontra-se acusticamente isolada da primeira. Como a estrutura de madeira CLT funciona de forma coesa e integrada, os consultores de acústica da Theatre Projects desenvolveram uma abordagem alternativa na qual foi inserida uma parede composta entre as duas 'caixas', criando um sanduíche de painéis CLT de 150 mm com isolamento de lã de rocha entre eles. Como resultado disso, a massa do sistema oferece um desempenho acústico comparável com o de uma estrutura tradicional de concreto.

CRÉDITOS

Equipe de projeto: Gilles Retsin and Stephan Markus Albrecht with Nicola Schunter, Isaie Bloch, Kristof Gavrielidis, Johan Wijesinghe
Engenharia estrutural: Bollinger + Grohmann (Paris, França): Klaas De Rycke, Hannah Franz
Consultores segurança conta incêndio: Bollinger + Grohmann (Frankfurt, Alemanha): Frauke Schiffner
Paisagismo: Djao-Rakitine (Londres, Inglaterra): Irene Djao-Rakitine, Federica Terenz
Consultoria controle temperatura: Transsolar (Stuttgart, Alemanha): Prof. Dipl.-Ing. Matthias Rudolph
Consultoria Acústica e Teatro: Theatre Projects (Paris, França): Sebastien Jouan, Mark Stroomer
Consultoria instalações: pbs Ingenieure GmbH (Köngen, Alemanha): Robert Preußler
Consultoria custos: Wenzel+Wenzel (Stuttgart, Alemanha): Ina Karbon
Transporte: Fichtner Water and Transportation (Stuttgart, Alemanha): Dr. Markus Weise
Renders: Filippo Bolognese (Milão, Itália)
Cliente: City of Nuremberg (Bavaria, Alemanha)

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este autor
Cita: Grace , Kate. "Arquitetos projetam o primeiro teatro do mundo em estrutura de madeira laminada cruzada" [Architects Propose World's First Prefabricated Cross Laminated Timber Concert Hall for Nuremberg] 10 Dez 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Libardoni, Vinicius) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/929780/arquitetos-projetam-o-primeiro-teatro-do-mundo-em-estrutura-de-madeira-laminada-cruzada> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.