Ampliar imagem | Tamanho original
A residência n.n. representa uma exploração espacial entre ocultamento e exposição. Essa topografia em camadas desfoca a linha que separa paisagem e construção. É a residência particular de uma família em uma área rural ao longo do rio Moskva. A geometria da planta baixa funde a edificação com o solo em que está localizada, removendo camadas individuais e criando espaços entre os estratos. Uma seção transversal mostra uma rica variação entre os pisos, e as conexões internas e transições graduais para o exterior desenvolvem camadas abertas para uma organização flexível e programática do espaço. A ambivalência de privacidade e abertura é modulada em vários estados. Através das curvas e saliências da edificação é formada uma grande variedade de transições entre o interior e o exterior, que incluem o ambiente natural e o artificial, como paredes para escalar e piscinas, jardins bem projetados e áreas paisagísticas. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar