Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Residência Volta / Ambrosi I Etchegaray

Residência Volta / Ambrosi I Etchegaray

© Jaime Navarro © Sergio López © Sergio López © Jaime Navarro + 18

Puerto Escondido, México
  • Arquitetos: Ambrosi I Etchegaray
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 120.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2018
  • Fotógrafo Fotografias: Jaime Navarro, Sergio López
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Decada Muebles Vintage, Ducolab, Helvex, Mabe, URREA
  • Arquitetos Responsáveis : Jorge Ambrosi, Gabriela Etchegaray
  • Equipe De Projeto : Ivo Martins, Santiago Bonilla
Mais informações Menos informações
© Jaime Navarro
© Jaime Navarro

Descrição enviada pela equipe de projeto. A primeira coisa que você vê quando se aproxima dessa residência são três abóbodas de tijolo flutuando no meio da vegetação densa da costa de Oaxaca. Talvez uma miragem causada pelo calor abundante e úmido da área. Então, seguindo um pequeno caminho, você mergulha no verde e as abóbodas desaparecem. A maior surpresa é quando, de repente, uma pequena clareira se abre e um pequeno banco aparece ao lado de um espelho d'água ladeado de ambos os lados por varandas de colunas retangulares que refletem nele. Como se tivesse encontrado um templo clássico abandonado.

© Jaime Navarro
© Jaime Navarro
Planta
Planta
© Sergio López
© Sergio López

A casa tem uma ordem Kahniana rigorosa, é um plano retangular subdividido em seis espaços também retangulares, onde três pátios e três espaços cobertos são alternados pelas abóbodas. Em dois deles, os dormitórios estão localizados com seus banheiros que abrem e fecham por meio de portas e juncos de madeira; o terceiro, completamente aberto, estão as áreas de estar, comer e cozinhar. E no centro, a água, como presença constante, como lembrança da proximidade do mar, que apesar de não ser visto daqui, fica a 100 metros de distância.

© Sergio López
© Sergio López
Cortes
Cortes
© Sergio López
© Sergio López

Uma circunstância econômica e prática foi o que determinou a materialidade da casa. Nas proximidades está a Fundação Casa Wabi, onde a argila é cozida e onde havia a disponibilidade de obter muitos pedaços de resíduos de tijolo, daí a ideia de fazer abóbadas com reutilização em uma estrutura de concreto pigmentada com cor de terra. Um método construtivo simples que permitiria atender aos horários de trabalho ajustados solicitados. Por outro lado, as abóbadas, juntamente com as grades de junco, fazem o vento fluir o tempo todo pelos espaços interiores, enquanto a água esfria do lado de fora, em um clima muito quente e úmido. Tudo isso gera uma atmosfera de calor e frescor ao mesmo tempo.

© Sergio López
© Sergio López

Essa residência é uma demonstração de que, com poucos elementos bem pensados, uma relação adequada com o clima e com a natureza, a ordem construtiva não é contrariada pelo aparente caos que a cerca, pelo contrário, é complementada e imitada; e também é um lembrete de que a simplicidade é sempre elegante. Mais do que uma casa, essa construção é um pequeno refúgio de civilização no meio da selva, a cabana onde Heidegger se refugiaria se tivesse uma vocação mais tropical.

© Sergio López
© Sergio López

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Residência Volta / Ambrosi I Etchegaray" [Casa Volta / Ambrosi I Etchegaray] 19 Nov 2019. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/928567/residencia-volta-ambrosi-i-etchegaray> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.