Casa Pátios / Rama Estudio

Casa Pátios / Rama Estudio

© Jag Studio © Jag Studio © Jag Studio © Jag Studio + 40

San José, Equador
  • Arquitetos: RAMA estudio
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  335
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2019
  • Fotógrafo Fotografias:  Jag Studio
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Andrés Vasco, Edy Guillen, Falco, José Pillajo, Maderas Guerrero, Willians Romero - Hierro Hogar
  • Construção: RAMA estudio
  • Residência De Obra: Gustavo Recalde
  • Cálculo Estrutural: Pedro Ospina
  • Equipe De Projeto: Carolina Rodas, Carla Chávez, Felipe Donoso, Eduardo Pullas, Diego Vélez, Mathias Carpio
  • Ilustração: Carlos Valarezo
  • Visualizações: Sergio Calderón
  • Trabalhadores: Vicente Tigse (Madeira), Manuel Alpusig (Alvenaria), Florencio Tipantuña (Fundações), Edison Parreño (Encanamento)
Mais informações Menos informações
© Jag Studio
© Jag Studio

Descrição enviada pela equipe de projeto. A residência se localiza na província de Cotopaxi, na região de Lasso. O terreno é parte dos lotes de Ranchos San José em meio a um entorno rural. O pedido foi uma casa familiar pensada para aproveitar o campo, a plantação, a paisagem e o entorno de uma forma geral. A proposta leva em conta várias condições para sua implantação e funcionamento. Se propõe uma arquitetura discreta, quase imperceptível, pensada a partir de matérias primas naturais.

© Jag Studio
© Jag Studio
© Jag Studio
© Jag Studio

"Uma casa para completar a paisagem" (TXT críticos). A casa foi pensada a partir da paisagem, como uma peça que permite a continuidade do terreno e sua atividade agrícola. Toma o verde da vegetação como filtro térmico em uma região rural de clima frio. Desenhou-se um elemento que se adapta à topografia levemente inclinada, inserindo-se no solo como proteção contra as correntes de vento. Desde sua concepção, buscou-se fazer com que a casa não sobressaísse no terreno e que a vegetação fosse protagonista em relação ao espaço construído. Esta estratégia de paisagem foi o que regeu toda a obra.

© Jag Studio
© Jag Studio
© Jag Studio
© Jag Studio

O verde nasce do solo e cresce sobre a casa através da cobertura. Uma ideia progressiva de paisagem que responde ao tempo, o clima e os ciclos vegetais. Entre esses dois planos vegetais, se abrem dois pátios que inserem o verde na casa e permitem sua aproximação em todos os espaços internos. Materiais locais como a pedra são protagonistas da estrutura portante por meio de paredes maciças onde apoia a cobertura inclinada que nasce da terra e se eleva contendo espécies vegetais. As duas paredes de pedra em forma de "C" contêm uma faixa diferenciada de serviços (banheiros, adega e máquinas) na área mais baixa da casa, como uma câmara isolante para os dormitórios e espaços auxiliares como sala de cinema e quarto de jogos. Todas essas áreas da casa são iluminadas e direcionam a vista para os dois pátios.

© Jag Studio
© Jag Studio
© Jag Studio
© Jag Studio

As duas alas da casa se articulam por meio de um espaço transparente que conecta física e visualmente os dois pátios externos. Um espaço central alto, claro e flexível de encontro familiar. Os espaços internos são limitados por painéis de bahareque e uma estrutura colaboradora de madeira sólida de eucalipto. O bahareque melhora as condições térmicas e acústicas da residência, ao mesmo tempo que sua textura e cor reforçam a intenção de gerar um objeto discreto na paisagem. Todo o limite externo da casa se conforma a partir de uma série de pilares de madeira sólida de eucalipto, gerando vãos preenchidos pelo próprio bahareque ou por planos de vidro que permitem a entrada de luz, passagem de instalações e acessos à casa.

© Jag Studio
© Jag Studio

A cobertura se desenvolve em duas águas sobre as paredes de pedra. Seus planos se conformam por superfícies metálicas de 10 m e 12 m de largura e espessura de 4 mm, o que permite conter 25 cm de material pétreo isolante e terra para um crescimento adequado de vegetação sobre a casa. Esta cobertura também conecta dos dois lados do terreno, já que é possível transitar sobre ela e, assim, passar de um lado para o outro. Além disso, a cobertura se estende sobre o único espaço aberto-coberto da casa que conforma uma churrasqueira, um espaço vinculado diretamente à cozinha e aberto para o pátio principal.

© Jag Studio
© Jag Studio

A laje intermediária, uma superfície acessível, foi calculada como uma estrutura mista que apoia sobre vigas de madeira e metal, e são estas que se estendem para gerar os beirais transparentes sobre o acesso.

© Jag Studio
© Jag Studio

A residência integra sistemas de separação de resíduos sólidos e líquidos, e os acopla em uma rede interna de irrigação e fertilização do terreno sem se conectar a nenhuma rede de esgoto.

© Jag Studio
© Jag Studio

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa Pátios / Rama Estudio" [Casa Patios / Rama Estudio] 21 Set 2019. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/925179/casa-patios-rama-estudio> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.