Ampliar imagem | Tamanho original
O Islã, além de significar uma crença religiosa, é uma palavra que identifica um tipo único de arquitetura que remonta a milhares de anos. Ela foi formada por uma civilização que traduziu as qualidades dessa crença em materiais visíveis e tangíveis, construindo estruturas com um foco marcante em detalhes e experiências dentro de espaços fechados. A arquitetura islâmica é uma arquitetura que não muda sua forma facilmente. Inclusive, seus princípios têm sido mais ou menos os mesmos há milhares de anos, com pequenas mudanças baseadas em adaptações funcionais. Até hoje, centenas de edifícios ainda permanecem como uma representação da história da arquitetura islâmica e ainda são usados exatamente como eram no passado. A guerra, no entanto, não tem religião ou nostalgia cultural, e mesmo os locais mais sagrados e historicamente significativos podem ser completamente destruídos. A Grande Mesquita Omíada em Aleppo, originalmente construída pela primeira dinastia islâmica imperial e atualmente situada dentro de uma Área Patrimônio Mundial da UNESCO, atuou mais uma vez como um campo de batalha durante a recente Guerra da Síria, mas desta vez perdeu seu elemento mais significativo e resiliente, o Minarete Seljuk do século XI. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar