Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Notícias de Arquitetura
  3. Artista James Turrell cria instalação para o Museu Jumex no México

Artista James Turrell cria instalação para o Museu Jumex no México

  • 15:00 - 17 Julho, 2019
  • por
  • Traduzido por Lis Moreira Cavalcante
Artista James Turrell cria instalação para o Museu Jumex no México
Artista James Turrell cria instalação para o Museu Jumex no México, James Turrell Apani , 2011 Da série Ganzfeld. Cortesia de Fundación Jumex. Imagem © James Turrell
James Turrell Apani , 2011 Da série Ganzfeld. Cortesia de Fundación Jumex. Imagem © James Turrell

James Turre ll Ganzfeld “Aural”, 2018. Cortesia de Fundación Jumex. Imagem © James Turrell Aten Reign, 2013 / James Turrell; Foto: David Heald. Imagem © Solomon R. Guggenheim Foundation, New York © James Turrell, Renderização: Andreas Tjeldflaat, 2012 © SRGF Rising Sun. Image Cortesía de Schmidt Hammer Lassen Architects + 10

Como parte das atividades de outono do Museu Jumex na Cidade do México, o artista internacionalmente renomado James Turrell iluminará duas das galerias do museu com instalações imersivas que levam os espectadores aos limites da percepção humana. Este novo trabalho representa uma das séries mais importantes de sua carreira. As duas instalações que serão realizadas oferecerão um contraste de experiências que transformará os espaços, desfocando o horizonte em luz e escuridão.

Rising Sun. Image Cortesía de Schmidt Hammer Lassen Architects
Rising Sun. Image Cortesía de Schmidt Hammer Lassen Architects

O trabalho de Turrell dedica-se a entender cientificamente os efeitos da luz através de uma visão artística que marca fortemente seu estilo particular, levando a meditações silenciosas sobre tempo e espaço. Essas pesquisas exaustivas sobre luz e espaço transcenderam as barreiras de qualquer espaço físico, traduzindo-se em estruturas como a expansão do ARoS Art Museum na Dinamarca, em colaboração com a SHL Architects, The Colour Inside, projetada em colaboração com a Overland Partners, de Austin, Texas, ou a exposição monumental que realizou no Museu Guggenheim durante 2013 em Nova York.

© James Turrell, Renderização: Andreas Tjeldflaat, 2012 © SRGF
© James Turrell, Renderização: Andreas Tjeldflaat, 2012 © SRGF

Um Ganzfeld concebido para a galeria do primeiro pavimento, e que forma parte de uma das principais séries das instalações do artista, origina uma experiência que dissolve a arquitetura através do uso de "campos totais" de cor intensa. Construída para o terraço do Museu Jumex, a peça Dark Space [Espaço Escuro] fornece uma iluminação tão mínima que as imagens aparecem de dentro do olho do visitante. Juntas, as peças apresentam os extremos em que o artista cria o que ele descreve como "vendo por trás dos olhos" ou, como ele diz, "vendo-se ver".

James Turre ll Ganzfeld “Aural”, 2018. Cortesia de Fundación Jumex. Imagem © James Turrell
James Turre ll Ganzfeld “Aural”, 2018. Cortesia de Fundación Jumex. Imagem © James Turrell

Na galeria 2, várias instalações trazem a trajetória única de Turrell, desde os primeiros trabalhos experimentais que ele realizou em Los Angeles em 1960 até as instalações em grande escala no Museu Jumex. Estas instalações, que estarão no segundo andar do museu, tiveram seu início no estúdio do artista no Mendota Hotel, onde no final dos anos 1960 e início dos anos 1970, Turrell começou a desenvolver maneiras de controlar a luz projetada e refletida para criar espaços. Estas obras estarão localizadas ao lado dos mais recentes experimentos de Turrell, que usam tecnologias atuais como holografia e iluminação controlada por computador para expandir seu campo de prática, revelando a materialidade da luz.

James Turrell Apani , 2011 Da série Ganzfeld. Cortesia de Fundación Jumex. Imagem © James Turrell
James Turrell Apani , 2011 Da série Ganzfeld. Cortesia de Fundación Jumex. Imagem © James Turrell

As instalações são acompanhadas por documentação e modelos da magnum opus de Turrell, chamada Roden Crater. Este projeto visa transformar um vulcão extinto no Arizona em uma instalação, na qual o artista trabalhou continuamente nos últimos 45 anos. Roden Crater é, sem dúvida, o projeto artístico mais ambicioso em que ele já trabalhou, além de ser um feito artístico inspirado e inspirador da astronomia, entre outras disciplinas. As investigações incomuns deste artista examinam o senso de espanto universal sentido diante do cosmos e da passagem do tempo.

A exposição acontecerá de 22 de novembro a 29 de março de 2020. Para mais informações, visite a página oficial do Museu Jumex.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Cita: Arellano, Mónica. "Artista James Turrell cria instalação para o Museu Jumex no México" [El artista James Turrell iluminará las galerías del Museo Jumex en la Ciudad de México] 17 Jul 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Moreira Cavalcante, Lis) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/921035/artista-james-turrell-cria-instalacao-para-o-museu-jumex-no-mexico> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.