Ampliar imagem | Tamanho original
O Chile é um país acostumado tanto com desastres naturais quanto com processos de reconstrução. No entanto, a frequência desses ciclos tem aumentado ao longo dos anos. De acordo com o Ministério do Interior, 43% de todos os desastres naturais registrados no Chile desde 1960 ocorreram entre 2014 e 2017. Inclusive o governo já está envolvido em vários processos de reconstrução em todo o país. Juntamente com a emergência climática e a perda progressiva da biodiversidade — duas questões globais que permitem que a humanidade continue se desenvolvendo — esse cenário traça uma previsão desanimadora que nos permite pensar que viveremos em permanente estado de reconstrução. No futuro próximo, parece muito plausível que a ONEMI, agência do governo chileno voltada para tarefas relacionadas a desastres naturais, possa se tornar um novo departamento de estado. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar