Ampliar imagem | Tamanho original
Cravada no coração de um bairro nobre de São Paulo, a residência de 1100m² foi construída pelos avós do atual proprietário nos anos 60. Antes da extensa reforma promovida pelos arquitetos, a casa possuía um estilo neoclássico e apresentava uma planta muito compartimentada. O projeto remodelou completamente a distribuição espacial dos ambientes, abrindo grandes vãos, movendo e criando novas estruturas que transformaram a casa numa obra contemporânea, em total sintonia com o morador, um jovem DJ e produtor musical. Dono de um estilo ao mesmo tempo despojado, porém muito sofisticado, o projeto se desenvolveu através da definição de uma paleta de materiais atemporal: mármores brasileiros brancos contrastando com uma primorosa marcenaria em ébano. O mobiliário foi inteiramente desenhado pelo arquiteto, que também é designer, especialmente para este projeto. Os sofás do living principal e da sala de lareira são revestidos parte em tecido, parte em couro, num sistema modular que permite infinitas combinações. A mesa de jantar, propositalmente apenas montada com uma cadeira, mantém o clima dramático da decoração. Quadros e objetos são poucos e pertencem ao acervo pessoal do morador. As paredes ebanizadas ocultam portas e espaços como a adega, que é separada do escritório apenas por painéis de acrílico que acomodam os vinhos, outra paixão do proprietário. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar