Ampliar imagem | Tamanho original
Escondido em meio a uma praia deserta na Baía de Bohai, no norte da China, o Museu de Arte das Dunas da UCCA foi enterrado na areia, como um castelo que se funde e desaparece em meio à restinga. Dunas levam séculos para serem esculpidas e representam um dos mais delicados ecossistemas do nosso planeta. O vento sopra lentamente a areia da praia construindo pouco à pouco a paisagem à beira do mar. Arbustos fixam as suas raízes procurando desesperadamente por matéria orgânica, estabilizando o solo e acolhendo uma fantástica vida selvagem que transita entra a terra e o mar. Assim como crianças que se sentam na praia e constroem seus castelos de areia, o museu foi "escavado" nas dunas de forma a criar uma série de espaços interconectados, organicamente moldados que, envoltos pela areia, se assemelham a cavernas - o mais primitivo abrigo do homem, as quais assistiram o nascimento da arte rupestre, talvez a primeira forma de expressão artística da humanidade. Assim, oculto entre o mar e a terra, o Museu de Arte das Dunas é simples, direto e surpreendente - um retorno aos espaços primitivos e atemporais. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar