Ampliar imagem | Tamanho original
A casa de hóspedes em Paraty possui condições climáticas tropical: quente e úmido. Cargas de vento são mais elevadas aqui, ampliando a necessidade para um peso extra no telhado, por isso utilizamos o telhado verde com vegetação nativa. Como a localização do projeto era remota do centro da cidade e tudo tinha que ser levado para o terreno por transportadoras, a ideia principal era usar o mínimo possível de material de construção industrializado e reutilizar e aplicar materiais naturais, extraídos do terreno. A longa parede de Taipa de 6,3 m serve como barreira de ruído e é feita com terra vermelha localmente escavada. Como o terreno encontra-se numa encosta, foi necessário um nivelamento, assim, foi utilizada matéria-prima sem energia extra necessária. A cofragem usada para a Taipa foi mais tarde aplicada na estrutura do telhado. A pedra de granito que estava presente no lado esquerdo do terreno foi integrada ao dormitório, formando metade da parede. O telhado construído com colmos de bambu foi cortado pare manter uma palmeira existente. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar