Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Benguela Cove / SAOTA

Benguela Cove / SAOTA

© Adam Letch © Adam Letch © Adam Letch © Adam Letch + 22

© Adam Letch
© Adam Letch

Descrição enviada pela equipe de projeto. O fluxo contínuo do interior para o espaço externo se reflete na plantação de fynbos que cresce nas bordas do entorno, impregnando a casa com natureza ao envolver as varandas, coberturas e infiltrar-se no pátio do jardim. O entorno desta residência em Benguela Cove, no lago Botrivier ao sudeste da Cidade do Cabo é espetacular: uma ladeira com vegetação autóctone de fynbos se estende até as amplas águas de um estuário rodeado por montanhas. O projeto arquitetônico elaborado por SAOTA com os interiores de ARRCC para esta casa de férias negocia o inerente paradoxo de tal exposição à natureza - como lidar com elementos extremos como sol, chuva e, particularmente, fortes ventos - permitindo, ao mesmo tempo, que a excepcional e natural beleza do entorno penetrasse em cada espaço proposto.

© Adam Letch
© Adam Letch
Planta - Térreo
Planta - Térreo
© Adam Letch
© Adam Letch

Vista do lago, a composição é memorável. Uma resposta que leva em consideração os contornos e o microclima do local, criando uma narrativa poética de refúgio e perspectiva. Uma forma tão inusitada poderia parecer fora do lugar, sem qualquer referência às diversas tipologias locais de galpões e armazéns de fruta. Por isso, revestimentos de madeira aparecem na entrada e se repetem em planos de teto feito em alumínio corrugado. Os braços do desenho em "C" são uma reinterpretação do planejamento "alfabético" tradicional das históricas fazendas locais.

© Adam Letch
© Adam Letch

A visão do proprietário para essa casa de retiro para seus filhos está ligada a uma planta em formato de "C" que ajudasse a maximizar a visão panorâmica da paisagem, criando um grande pátio protegido. Esta forma de refúgio com as três asas montadas uma sobre a outra ocupam o terreno que se inclina em direção à água. O projeto de interiores captura a sensibilidade minimalista da arquitetura.

© Adam Letch
© Adam Letch

A entrada na parte posterior do edifício foi deliberadamente subestimada; um modesto dossel protege a porta de entrada, que representa uma espaço de descanso a partir do qual uma ampla coluna vertebral traça suavemente o gradiente natural junto a um generoso pátio com jardim. O corredor termina na cozinha, cuja ilha, um sólido bloco de granito, representa um ponto de apoio com as principais áreas da casa dispostas em ângulo reto, paralelas ao lago. A cozinha tem vista para as salas de jantar e estar de planta livre, além de a uma lareira e uma janela demarcada em uma enorme parede de concreto.

© Adam Letch
© Adam Letch

Os elementos ocasionais contrastam as matérias primas com detalhes mais refinados: a ilha da cozinha, feita de blocos maciços de granito forma um balcão altamente polido, como diz Mark Reilly, diretor de ARRCC:
"Por meio do uso de materiais ricos e uma paleta de cores editada, a decoração se integra perfeitamente ao projeto, otimizando o sentido de espaço". As tubulações foram revestidas em aço corten. 

© Adam Letch
© Adam Letch

Em toda a casa, os móveis escolhidos por ARRCC, em sua maioria adquiridos no fabricante local OKHA, fornecem um acolhedor e luxuoso contraponto à arquitetura. A peça assinatura de OKHA, a Tapete Diamante de seda fina de lã e bambu inspirada na geometria e formações rochosas, complementa os pisos de granito da sala de estar. Os assentos provém de uma coleção improvisada do luxuoso sofá Jada em formato de L: a poltrona Miles de estrutura em carvalho maciço e a poltrona Nicci com acabamento em couro verde oliva. Para arrematar a coleção, a mesa de café escolhida foi Capri, em mármore branco de Volakas, para ressoar com os arredores geológicos. Pufes de couro agregam um toque casual ao conjunto.

Planta - Primeiro Pavimento
Planta - Primeiro Pavimento

A asa interna da casa encontra-se entre o pátio jardim e as coberturas que conduzem a uma piscina, a qual parece fundir-se com o lago. A inclinação do sofito revestido de madeira foi pensada cuidadosamente para proporcionar uma proteção em relação ao vento predominante. Ele se estende desde a sala para criar um espaço de estar externo e uma cozinha ao ar livre.

© Adam Letch
© Adam Letch

A sala de jantar é composta por uma mesa Bison de OKHA que pode acomodar até 10 pessoas e que cria uma narrativa com os belos revestimentos de madeira no teto. A escada se ergue junto a uma tela de madeira cortada na CNC. As duas asas superiores abrigam os dormitórios com vistas elevadas através do lago até as montanhas. Na cobertura, a poltrona giratória STM permite que o espectador tenha uma vista em 360 graus do estuário e do interior da casa. O foco editado dos interiores reforça o uso dos materiais arquitetônicos como o concreto e o granito.

© Adam Letch
© Adam Letch

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este escritório
Escritório
Cita: "Benguela Cove / SAOTA" [Benguela Cove / SAOTA] 27 Set 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Brant, Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/902512/benguela-cove-saota> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.