Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Artigos
  3. Quais são as melhores lentes para fotografia de arquitetura? (Inclusive de celulares)

Quais são as melhores lentes para fotografia de arquitetura? (Inclusive de celulares)

Quais são as melhores lentes para fotografia de arquitetura? (Inclusive de celulares)
Quais são as melhores lentes para fotografia de arquitetura? (Inclusive de celulares), © <a href='https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Photographic_lenses_front_view.jpg'>Flickr user Bill Ebbesen</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by/3.0/'>CC BY 3.0</a>
© Flickr user Bill Ebbesen licensed under CC BY 3.0

Em um mundo em rápida transição para a criação de conteúdos principalmente digitais, mais e mais pessoas estão começando a experimentar várias mídias. Há, indubitavelmente, uma relação íntima entre arquitetura e fotografia, e muitos arquitetos gostam de fazer experiências tirando fotos, tanto de seu próprio trabalho quanto de seu ambiente ao redor. Mas como você sabe se tem o equipamento adequado para começar com o pé direito? E mais importante, como você pode tirar o máximo proveito do equipamento que já possui?

Em homenagem ao Dia Mundial da Fotografia neste mês de agosto, reunimos um guia útil para começar no universo das lentes para a fotografia de arquitetura. Este guia irá destacar especificamente as melhores lentes (tanto para DSLR quanto para celular) para usar em suas fotos e os porquês.

Creative Commons Public Domain
Creative Commons Public Domain

Se você entrou no mundo da fotografia, sabe que esse é um hobby muito caro. E investir na profissão é apenas isso, um investimento. Algumas das lentes listadas abaixo podem custar quase tanto quanto uma câmera de alta qualidade, por isso é importante fazer sua pesquisa para que você escolha a lente certa para seu uso específico e possibilidades.

As duas principais diferenças (para além do preço) entre essas lentes são a distância focal e a abertura. A distância focal é geralmente mostrada em milímetros (45mm, 85mm, 200mm, etc.) e refere-se à distância entre o centro de uma lente (ou espelho curvo) e seu foco. Em outras palavras, quanto menor a distância focal, maior o campo de visão. Na fotografia de arquitetura, uma distância focal entre 16 e 35 mm é adequada para fotos internas. Mas, para fotos mais detalhadas ou complexas, qualquer coisa entre 35mm e 200mm servirá bem.

O outro aspecto mais importante dessas lentes é a abertura. A abertura da lente é a relação entre a distância focal e o diâmetro efetivo da abertura e é geralmente especificada como um número "f". Uma lente geralmente tem um conjunto de "f-stops" marcados que o número f pode ser definido. Um número f inferior indica uma maior abertura que permite que mais luz alcance o sensor de imagem. Por exemplo, uma lente f / 4 de 200mm de comprimento focal tem um diâmetro de abertura de entrada de 50mm. Você pode conferir este vídeo do YouTuber Peter McKinnon para saber mais sobre esse conceito e alguns outros tipos de lentes.

Agora, sem mais delongas, vamos falar sobre algumas lentes.

Canon TS-E 90mm f/2.8

via Amazon
via Amazon

Esta é talvez a lente tilt-shift de melhor desempenho da Canon até hoje. Se você não estiver familiarizado com as lentes de mudança de inclinação (a maioria dos iniciantes provavelmente não estará), o termo "tilt-shift" refere-se aos dois tipos diferentes de movimento: rotação do plano da lente em relação ao plano da imagem, tilt; e movimento da lente paralela ao plano da imagem, shift. A inclinação é usada para controlar a orientação do plano de foco ou a parte da imagem que aparece em foco. O deslocamento é usado para ajustar a posição do objeto na imagem sem mover a câmera para trás, o que é particularmente útil ao tentar evitar a convergência de linhas paralelas. Isso é útil na fotografia arquitetônica ao capturar edifícios altos.

Embora seja útil utilizar o movimento de mudança de inclinação dessa lente, a um preço de US $ 1.399 e uma curva de aprendizado relativamente íngreme, você pode obter quase o mesmo resultado com um pouco de mágica de pós-produção na edição em softwares como o Lightroom ou o Photoshop. Mas, para um profissional, essa lente é uma ferramenta incrível para capturar contextos urbanos nítidos e limpos, com ajustes mínimos necessários.

Canon 16-35mm f4L IS Lens

via Amazon
via Amazon

Esta lente oferece a combinação ideal de uma grande angular e desempenho em ambientes de pouca luz. A distância focal variável de 16 a 35 mm proporciona a capacidade de capturar fotos internas em grande angular, mas também a capacidade de se concentrar em qualquer tomada de detalhe que você também possa precisar. Criada para ser incrivelmente durável, esta lente também é útil em visitas ao terreno, quando você pode precisar diminuir o zoom para uma foto geral da construção ou ampliar o detalhe de um detalhe específico.

Sendo uma lente da série L, tem um preço em um padrão profissional (US $ 999), mas sem dúvida será uma parte importante de seu arsenal.

Celulares

Creative Commons Public Domain
Creative Commons Public Domain

Um aspecto único da fotografia digital que entrou em cena nos últimos anos graças aos avanços da tecnologia de câmeras para smartphones é a fotografia de celular. Agora é mais fácil do que nunca obter qualidade profissional com a câmera point-and-shoot que você tem no seu bolso todos os dias. O debate sobre a melhor câmera para smartphone tem sido amplamente discutido em toda a Internet, mas os três concorrentes mais recentes são o iPhone X da Apple, o Galaxy Note 8 da Samsung (e recentemente o Note 9) e o Pixel 2 do Google.

É possível obter imagens de alta qualidade com o mínimo de esforço inicial e de pós-produção desses telefones diretamente de suas lentes internas. Mas agora você também pode utilizar hardwares de qualidade profissional que se conectam diretamente ao seu telefone.

As lentes Moment para iPhone e Android estão no topo do mercado de fotografia de smartphones. Oferecem uma variedade de lentes grandes angulares, fisheye e macro, com a recente adição de uma lente anamórfica para obter uma estética mais cinematográfica. As lentes têm que ser anexadas através de um case personalizado (que é bastante elegante também), e a um preço combinado de cerca de US $ 130- $ 150, sendo uma opção viável se você estiver buscando investir de uma maneira rápida e fácil para obter fotos de aparência profissional a um preço mais razoável.

Filtros

O último e talvez mais importante aspecto das lentes na fotografia arquitetônica (ou na verdade, de qualquer tipo) é o uso de filtros de densidade neutra. O objetivo de um filtro fotográfico padrão é reduzir a quantidade de luz que entra na lente. Esses filtros podem se tornar importantes ao fotografar exteriores em um dia relativamente ensolarado.

Na fotografia em geral, é sempre uma boa ideia ter mais controle sobre a quantidade de luz que está entrando na lente, e os diferentes tipos de filtros de densidade neutra permitem que você faça exatamente isso para obter o efeito desejado. Você pode novamente ver este vídeo de Peter McKinnon sobre os tipos de filtros para determinar qual pode ser melhor para você.

Para outra referência útil sobre dicas e truques de fotografia arquitetônica, o arquiteto e autor Eric Reinholdt tem este vídeo e outros em seu canal no YouTube 30X40 Design Workshop.

Sobre este autor
Cita: Abdallah, Collin. "Quais são as melhores lentes para fotografia de arquitetura? (Inclusive de celulares)" [What Are the Best Lenses for Architectural Photography? (Including Mobile)] 29 Ago 2018. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/901012/quais-sao-as-melhores-lentes-para-fotografia-de-arquitetura-inclusive-de-celulares> ISSN 0719-8906
Ler comentários

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.