Ampliar imagem | Tamanho original
Hong Kong é um território autônomo no sudeste da China conhecido por seus arranha-céus, densidade urbana e altos preços. No entanto, no diário de viagem de Nico Van Orshoven, Everywhere in Particular, o arquiteto belga cria um retrato visual do território além dos estereótipos. Com espaços públicos animados e paisagens naturais deslumbrantes, Hong Kong pode e irá surpreendê-lo. Abaixo, Van Orshoven narra sua visita a Hong Kong: Hong Kong não é uma cidade comum. Muito longe de parecer uma cidade europeia, com seus infinitos arranha-céus e avenidas de palmeiras. Também não há sinais de uma turbulência pós-colonial encontrada em diversas cidades africanas, onde muitas vezes o mau julgamento político resulta em falta de manutenção e investimentos em desenvolvimento habitacional e infraestrutura urbana. Espaços de estar são definitivamente pequenos demais para parecerem americanos ou australianos. No entanto, às vezes, a cidade também não se sente especificamente asiática. Muitas pessoas falam inglês excelentemente enquanto carros Mercedes e Tesla vagam por suas ruas limpas e bem sinalizadas. É como um caldeirão, uma cultura híbrida entre o oriente e o ocidente. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar