Ampliar imagem | Tamanho original
Atualmente, 470 cidades de 36 países, se reconhecem como cidades educadoras e estão  organizadas em rede pela Associação das Cidades Educadoras (AICE), que em sua carta fundante, defende que as cidades têm um potencial educativo em estado bruto, que precisa ser ativado. Fora da AICE, outros municípios também se colocaram o desafio de articular espaços, pessoas e ações em torno de processos de aprendizagem que primam pelo desenvolvimento integral de seus habitantes. Para ilustrar essas dinâmicas, e talvez, inspirar novos rumos para nossos espaços urbanos, o Portal Aprendiz, parceiro do ArchDaily, listou cinco cidades, que pararam para pensar sobre si, sobre sua história e caminhos, e afirmar suas vocações e características como potencial educativo. Rosário, na Argentina, Santos, Sorocaba e Maranguape, no Brasil, e Barcelona, na Espanha, são apenas alguns exemplos do que é possível fazer de nossos municípios. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar