Ampliar imagem | Tamanho original
Unindo a inteligência material da mão de obra vernacular com a precisão e flexibilidade proporcionadas pelas novas tecnologias de fabricação e design digital, o Laboratório de Fabricação de Robótica da Escola de Arquitetura da HKU desenvolveu o "Pavilhão de Informação Cerâmica" (CeramicINformation Pavilion), com o objetivo de encontrar níveis adequados de automação para serem utilizados em favor das economias emergentes e em transição. Parte de uma série em evolução, cada um dos seus 1000 componentes é único e se relaciona especificamente com as unidades vizinhas. Os elementos são construídos através da impressão em 3D e são feitos de tijolos de terracota, material comumente usado na construção chinesa moderna. Em termos de design digital, foram gerados cerca de 1,5 milhões de linhas de código, com cada tijolo contendo uma média de 1400 pontos individuais de destino. Apesar dessa complexidade aparente, a precisão e a clareza da tecnologia permitiram que sua construção fosse realizada em 20 dias por uma mão de obra não qualificada, mesmo sem plantas ou detalhes arquitetônicos tradicionais. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar