Ampliar imagem | Tamanho original
A residência de Holmberg é uma moradia unifamiliar localizada em um dos bairros centrais da cidade de Buenos Aires; pensada para uma família de quatro integrantes, um jovem casal com filhos pequenos, sua característica principal consiste em uma pele integral perimetral pela qual circula água fria e quente e que permite acondicioná-la termicamente, transformando-a em uma espécie de grande radiador.  Sobre um terreno entre empenas, de dez metros de fachada frontal por dezessete de fundo e com um afastamento de três metros, essa residência de três pavimentos, como um prisma de estrutura metálica e de construção a seco, se aproximada do térreo entre pátios, especificamente entre três jardins. Um voltado para a rua e oeste que funciona como acesso, um lateral e para a empena adjacente noroeste, que serve como espelho d'água ou pátio úmido para controlar o clima e, por último, um jardim de fundo que unifica o espaço verde como pulmão da quadra.  Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar