Ampliar imagem | Tamanho original
Após dez anos de colaboração entre a França e o Emirado de Abu Dhabi, o Louvre Abu Dhabi, de Jean Nouvel, abre esta semana ao público. Localizados na Ilha de Saadiyat e cercado pelo mar, vinte e três galerias e espaços expositivos permanentes, um Museu Infantil, um auditório e um centro de pesquisa estão conectados por passeios marítimos que se encontram sob a icônica cúpula do edifício. "É bastante incomum encontrar um arquipélago construído pelo homem", sugere Nouvel. "É ainda mais incomum ver que ele é protegido por um guarda-sol que cria uma chuva de luz". O projeto foi concebido como uma "cidade museológica (medina)", combinando a arquitetura tradicional árabe com projeto contemporâneo e engenharia energética de ponta. A cúpula dupla de 180 metros de diâmetro apresenta uma "geometria horizontal radial e um material têxtil perfurado aleatoriamente, proporcionando sombra pontuada por feixes de sol". Construído a partir de 7.850 estrelas metálicas singulares, a estrutura cria uma "chuva de luz" em movimento sob o sol. De acordo com o arquiteto, estas são "uma reminiscência das folhas de palmeiras sobrepostas dos oásis dos Emirados Árabes Unidos". Ele continua: Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar