Ampliar imagem | Tamanho original
A expansão da fábrica através de vários edifícios é uma acupuntura de pedidos funcionais e arquitetônicos, com o fim de ampliar a capacidade produtiva da principal fábrica de cerveja do país. As edificações de caráter industrial e administrativo são: sala de cozimento, distribuição, laboratório, fábrica de "tapas" e engarrafamento. Os volumes simples são definidos como duas camadas que interpretam a horizontalidade da paisagem, uma escura que se pousa sobre a planta base e outra leve de cor branca. São as determinantes do projeto que permitem uma linguagem formal e similar para todas as edificações apesar do caráter particular de cada uma. O projeto ainda aborda estratégias de sustentabilidade cirando ambientes favoráveis para o trabalho e a produção, como aporte para minimizar o impacto ambiental que geram as edificações; fachadas duplas, iluminação natural zenital, ventilação cruzada, aparatos de economia, sombreadores e beirais. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar