Ampliar imagem | Tamanho original
Identificando os Problemas A construção de médios e grandes teatros em cidades chinesas está a todo vapor desde o início do novo século. No entanto, tais teatros enfrentaram vários problemas em relação à sua operação e manutenção. Realizamos uma pesquisa de cerca de vinte casos e os resultados podem ser resumidos nos seguintes tópicos: Tais teatros não sustentam uma operação normal devido à orientação empresarial mal escolhida, aos custos de operação excessivamente elevados, à falta de programas e a baixa demanda do público. Eles não conseguem pagar o custo da eletricidade devido ao alto consumo de energia dos edifícios, especialmente por conta dos fechamentos em vidro. Em geral, os aparelhos de ar condicionado são ligados a todas as salas dos teatros; se apenas uma sala está sendo utilizada, todas as outras tem que ser ligadas.  Eles não conseguem ganhar dinheiro. Devido às restrições institucionais, o investimento apenas cobre o próprio teatro, excluindo instalações comerciais e espaços para o desenvolvimento de indústrias criativas culturais. Eles não atraem grandes públicos. Alguns desses teatros estão localizados em novos distritos urbanos, com pouco apoio de comunidades vizinhas. Devido a estes problemas, alguns dos teatros podem organizar apenas poucas performances por ano. Ao invés de funcionar como o "salão cultural" das cidades, eles se tornaram fardos financeiros para os governos locais. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar