Ampliar imagem | Tamanho original
A maior das ilhas do Caribe, Cuba é um crisol cultural de mais de 11 milhões de pessoas, combinando nativos Taíno e Ciboney com descendentes de colonos espanhóis e escravos africanos. Desde a revolução de 1959 liderada por Fidel Castro, o país foi o único regime comunista estável no hemisfério ocidental, com estreitos laços com a União Soviética durante a Guerra Fria e relações hostis com seu vizinho vizinho, os Estados Unidos, que há pouco tempo deu início à retomada das relações internacionais entre os dois países. Enquanto a arquitetura na capital Havana reflete a história dinâmica e rica da área, após a revolução a cidade deixou de ser prioridade e o foco do governo passou para as áreas rurais, como consequência, os edifícios da capital foram deixados a ruína desde então. Iwo Borkowicz, um dos três vencedores do Prêmio de Arquitetura de Jovens Talentos de 2016, desenvolveu um plano que poderia trazer alguma vitalidade e, mais importante, alguma sustentabilidade, de volta ao núcleo histórico da cidade. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar