Ampliar imagem | Tamanho original
A organização CTBUH (Council on Tall Buildings and Urban Habitat) escolheu a Torre Shanghai como o melhor arranha-céu desse ano. Projetado pelo escritório Gensler, a organização elogiou seu "projeto inovador baseado nas tradições arquitetônicas da cidade". O projeto foi escolhido entre quatro ganhadores continentais, que incluíram o VIA 57 West (BIG, América), White Walls (Jean Nouvel, Europa) e The Cube (Orange Architects, África). O projeto da Torre Shanghai, o edifício mais alto da China, baseia-se no conceito do shikumen - uma tipologia residencial que mescla os espaços interiores e exteriores - aplicado em seu átrio, que se localiza entre as camadas da pele dupla de sua fachada. "A Torre Shanghai demonstra um grande compromisso com o espaço comunitário em um edifício alto desde a torre Commerzbank, finalizada em 1997", explicou Antony Wood, diretor executivo da CTBUH e membro do júri. "O sacrifício de [entregar] área edificável para materializar esse equipamento social prova que as aspirações da torre foram além da mera ganância comercial", complementa. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar