O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Kim Kardashian, um novo sistema de proporções que vai além do Modulor

Kim Kardashian, um novo sistema de proporções que vai além do Modulor

  • 20:00 - 26 Outubro, 2016
  • por Equipo Editorial
  • Traduzido por Equipe ArchDaily Brasil
Kim Kardashian, um novo sistema de proporções que vai além do Modulor
Kim Kardashian, um novo sistema de proporções que vai além do Modulor, Elevación posterior y lateral de Kim Kardashian, propuesta por Ter. Image © Ter / Youtube
Elevación posterior y lateral de Kim Kardashian, propuesta por Ter. Image © Ter / Youtube

O que Le Corbusier e Kim Kardashian têm em comum? Nada, no entanto, segundo Ter, é melhor não se apressar em responder. Esta arquiteta e youtuber espanhola sugere que a fisionomia da estrela americana representaria um novo paradigma de proporções humanas que podemos aplicar à arquitetura, tal como o Modulor de Le Corbusier.

Apoiando-se em "Por uma arquitetura", Ter recorda as comparações feitas por Le Corbusier entre o Partenon de Atenas e os automóveis da época, atraindo críticas dos "puristas", que rechaçaram a comparação da obra prima da arquitetura clássica e o automóvel. 

"Por que Le Corbusier comparou o Partenon com um carro?", pergunta-se Ter. "A produção em série de veículos tinha a ver com uma dinâmica de aperfeiçoamento contínuo". Vinte anos depois, Le Corbusier desenvolveria o Modulor com o objetivo de "unificar os sistemas métricos da época. Isso tornaria a produção em série da arquitetura mais eficaz". No entanto, como recorda a youtuber, seu objetivo não era "apenas unificar os dois sistemas métricos, mas também criar um sistema de proporções baseadas nas medidas do corpo humano" que tornaria os projetos mais ergonômicos. E aqui entra Kim Kardashian. 

La comparación de Le Corbusier en "Hacia una arquitectura". Image © Ter / Youtube
La comparación de Le Corbusier en "Hacia una arquitectura". Image © Ter / Youtube

Inspirado na figura humana, recorda Ter, Le Corbusier recorreu a uma constante nos romances policiais ingleses e filmes hollywoodianos: os personagens principais eram homens que mediam aproximadamente 1,83 m. Sobre esta base, o Modulor estrutura uma série de medidas padrão em relação às atividades e posições cotidianas do corpo humano, inspiradas e multiplicadas pela proporção áurea, o Homem vitruviano e a série de Fibonacci. 

Homenaje a El Modulor en Corbusierhaus, Unidad Habitacional de Berlín.. Image © Wikipedia user: Jean-Pierre Dalbéra en Corbusierhaus (Berlín), bajo licencia CC BY 2.0
Homenaje a El Modulor en Corbusierhaus, Unidad Habitacional de Berlín.. Image © Wikipedia user: Jean-Pierre Dalbéra en Corbusierhaus (Berlín), bajo licencia CC BY 2.0

Apesar da revolução causada pelo Modulor na esfera intelectual do século XX, para Ter, estas medidas universais em relação à proporção áurea e ao corpo masculino são obsoletas no nosso século. Tão arbitrário como escolher um homem (e não uma mulher) de 1,83 m (por que não menos, ou mais?) inspirado em personagens de livros e filmes como medida universal, é escolher uma mulher de 1,59 m como Kim Kardashian, uma figura midiática de alcance internacional.

Agora, em 2016, a proporção mais bela não é a áurea, mas as curvas de Kim Kardashian. Isso aconteceu em um tempo muito curto, já que a proporção áurea vinha sendo utilizada desde o ano 300 a.C. com Euclides até o século XX. Não éramos capazes de nos desapegarmos da proporção áurea. No entanto, desde os anos 2006, 2007 e 2008 começaram a surgir mulheres como as Kardashians, Amber Ross d Nicki Minaj, que têm proporções que pareceriam grotescas a Le Corbusier, mas que a nós, parecem melhores. 

Além do tom jocoso do vídeo, Ter, na realidade, ensaia um exercício que busca ir além das proporções propostas por Le Corbusier, inspirando-se na fisionomia feminina, tomando por base a figura de Kim Kardashian. Como se supõe, não há informações sobre as proporções da modela estadunidense, apenas sua altura: 1,59 m. Com este dado, Ter analisa uma série de fotografias feitas este ano e, baseada em alguns pontos de referência, cria um modelo 3D da cintura da modelo e calcula seu volume, buscando chegar a um valor básico (assim como os 1,83 m de altura de Le Corbusier): 0,047 metros cúbicos. "Agora vou ensinar a aplicar a nova unidade de medida das curvas de Kim em um modelo arquitetônico", conclui Ter.

Estandarización de proporciones de Kim Kardashian a partir de un set de fotografías tomadas en 2016. Image © Ter / Youtube
Estandarización de proporciones de Kim Kardashian a partir de un set de fotografías tomadas en 2016. Image © Ter / Youtube
Elipses y circunferencias usadas por Ter. Image © Ter / Youtube
Elipses y circunferencias usadas por Ter. Image © Ter / Youtube
Cita: Equipo Editorial. "Kim Kardashian, um novo sistema de proporções que vai além do Modulor" 26 Out 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Equipe ArchDaily Brasil) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/798236/kim-kardashian-um-novo-sistema-de-proporcoes-que-vai-alem-do-modulor> ISSN 0719-8906