O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casas
  4. Brasil
  5. Luciano Lerner Basso
  6. 2015
  7. Casa 4.16.3 / Luciano Lerner Basso

Casa 4.16.3 / Luciano Lerner Basso

  • 05:00 - 19 Julho, 2016
Casa 4.16.3 / Luciano Lerner Basso
Casa 4.16.3 / Luciano Lerner Basso, © Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

© Marcelo Donadussi © Marcelo Donadussi © Marcelo Donadussi © Marcelo Donadussi + 23

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

Descrição enviada pela equipe de projeto. A casa 4.16.3 está localizada na cidade de Erechim, no interior do Estado do Rio Grande do Sul, cerca de 400 km da capital Porto Alegre. Construído em um terreno marcado por um aclive de vinte metros e pela existência de diversas espécies vegetais nativas, o projeto buscou alterar minimamente a topografia, propondo uma construção que assenta-se em uma de suas cotas mais elevadas e desde lá desenvolve-se ora acomodando-se no perfil natural e ora pairando sobre este.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

O programa foi dividido em dois volumes: o primeiro com 42 metros de comprimento e 8 metros de largura, posicionado de forma paralela as curvas de nível, abriga os serviços e a área íntima da casa. O segundo está um pavimento abaixo e acomoda a parte social. Ligando-se diretamente ao pátio e à área  da piscina. Os dois blocos formam um “T”, assim como as Prairie Houses de Frank Lloyd, e articulam-se através da circulação vertical. No encontro entre os eixos imaginários há um pé-direito duplo que une os volumes e permite que a área íntima da casa se aproprie espacialmente da área social.

Planta Baixa
Planta Baixa
Planta Baixa
Planta Baixa

Existem dois acessos, um de uso cotidiano dos seus moradores, que se dá através da garagem e permite que apesar da topografia acidentada a moradia seja usufruída como se fosse térrea, uma vez que o programa básico encontra-se completamente no mesmo nível. O outro acesso se dá pelo nível inferior, pela sala de estar com pé-direito duplo, e nele chega-se através de uma promenade architecturale que inicia no passeio público, passa sob o balanço estrutural de 4,5 metros de comprimentos e desenvolve-se pelo pilotis abaixo do volume principal.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

Sobre a laje do volume mais baixo há um terraço jardim acessado desde o estar íntimo e junto ao salão da churrasqueira há outro terraço, onde está a piscina. Desde ambos o usuário se posiciona no mesmo nível das copas das árvores e neste chão artificial se apropria da vista como se a paisagem fosse habitável.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

A obra é materializada através das técnicas construtivas comuns da região, a estrutura é em concreto armado e as paredes são em alvenaria de tijolos cerâmicos revestidos com reboco de argamassa de cimento e areia. A mão de obra utilizada foi local e além do extremo respeito pelo perfil natural do terreno  a casa possui reaproveitamento de água  da  chuva; aquecimento  através  de  energia  solar; ventilação e iluminação natural em todos os   cômodos; redução de perdas energéticas através de paredes externas duplas com câmara de ar e também de esquadrias de alto desempenho com vidros duplos. Atitudes pontuais, mas que em conjunto fazem diferença em pró do meio ambiente.

© Marcelo Donadussi
© Marcelo Donadussi

Esta residência nos foi encomendada por um casal que antes de ser cliente já era amigo, com filhos que até então vimos crescer. O ato projetual assumiu mais do que nunca as matizes que pautam o trabalho do arquiteto, onde a técnica é um meio para a construção de espaços humanos, sensíveis e adequados ao lugar.

Ver a galeria completa

Cita: "Casa 4.16.3 / Luciano Lerner Basso" [House 4.16.3 / Luciano Lerner Basso] 19 Jul 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/791552/casa-luciano-lerner-basso> ISSN 0719-8906