Ampliar imagem | Tamanho original
A casa da família construída em 1730 está localizada no vale de Lustin, Bélgica, na borda de uma rua sem saída, próximo a uma grande floresta. O terreno com 3.600 m² é fortemente ondulado. Em um dos lados do terreno está a casa, e do outro, a floresta, e entre eles, corre um rio. A paisagem é repleta de vegetação e é delimitada por gramas, árvores, horta, orquidário e apiário. O edifício existente Construído com técnicas tradicionais, a casa é dividida em três partes: duas delas feita de pedras provenientes de fontes locais e a terceira feita de alvenaria. As duas primeiras partes abrigam os atuais espaços de estar da família, enquanto que a terceira era um antigo celeiro que já não era mais utilizado. As fachadas possuem um grande interesse histórico e arquitetônico. Se tornou parte do patrimônio local pelo uso dos materiais. A casa também possui uma varanda que possui vistas para o jardim e um antigo forno de pães, que evidenciam as atividades que ali aconteciam; o celeiro, que é um anexo da casa, foi a parte que focamos. O cliente queria renovar e estender o volume para uma casa independente com um quarto. O projeto consiste apenas de 35 m² no térreo e havia apenas duas entradas na época, o portão na frente do celeiro e uma pequena porta dupla que dá acesso ao jardim. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar