Ampliar imagem | Tamanho original
Em 1940 decorreram em Portugal as comemorações dos centenários da Independência de Portugal e da sua Restauração. Do programa sobressai a Exposição do Mundo Português, determinada a promover os momentos mais notáveis do passado da nação. O certame realizou-se em Belém, em torno da então criada Praça do Império e delimitado por elementos alusivos aos Descobrimentos, como o Mosteiro dos Jerónimos, a Praça Afonso de Albuquerque, a Torre de Belém e o rio Tejo. Pensado para funcionar como restaurante/cervejaria do evento, foi construído o Espelho de Água, com projeto de António Lino e desenvolvido sob a orientação de Cottinelli Telmo, arquiteto chefe responsável do certame. Patrimônio modernista, foi alterado por sucessivas intervenções que o foram descaracterizando, tanto no exterior como no interior. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar