Ampliar imagem | Tamanho original
Sempre fomos uma profissão de hackers. Cada edifício é único, feito a partir de inúmeras operações de alteração e modificação que trazem materiais e sistemas díspares em um todo coeso. Mas quando se trata de softwares a maioria de nós têm se contentado com o consumismo entusiasmado, aguardando ansiosamente os próximos lançamentos dos desenvolvedores de software, como Autodesk, McNeel (Rhino) e Bentley (MicroStation). Faz cinco anos que lançamos oficialmente o nosso programa de pesquisa no Yazdani Studio of Cannon Design, e durante esse período, compreendemos que a evolução do nosso processo reflete no trabalho dos maiores arquitetos, mudando o relacionamento dos profissionais com os meios de produção. Especificamente, temos notado que no final de 2007, algo mudou. McNeel introduziu um plugin na programação visual chamado Grasshopper, e mais e mais arquitetos começaram a hackear suas ferramentas, bem como seus edifícios. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar