Ampliar imagem | Tamanho original
O apartamento está localizado em edifício de autoria do escritório Botti Rubin.  De arquitetura brutalista, o prédio é um típico exemplar do período de excelente produção arquitetônica paulistana de meados da década de 1960. A intervenção neste imóvel de 300 m² teve como principais premissas a extensa utilização do concreto aparente resgatando esse elemento fundamental da arquitetura do edifício, assim como a reconfiguração espacial com a finalidade de tirar proveito da planta livre de pilares da concepção original do projeto.  Assim, foram inseridas novas peças em concreto aparente, como divisórias e tampos de pia, e foi recuperado o concreto existente nas lajes e vigas que se encontravam revestidas.  Com a re-disposição das divisórias internas foi criada uma circulação fluída que permitiu definir claramente o volume dos dormitórios, a caixa da cozinha e o espaço livre da área social.  Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar