Casa Redux / studio mk27

Casa Redux / studio mk27

Casa Redux / studio mk27 - Imagem 2 de 53Casa Redux / studio mk27 - Imagem 3 de 53Casa Redux / studio mk27 - Imagem 4 de 53Casa Redux / studio mk27 - Imagem 5 de 53+ 53

Bragança Paulista, Brasil
  • Equipe De Projeto : Beatriz Meyer, Carlos Costa, Laura Guedes, Mariana Ruzante, Mariana Simas, Oswaldo Pessano, Suzana Glogowski, Henrique Bustamante
  • Equipe : Carolina Castroviejo, Eduardo Glycerio, Gabriel Kogan, Lair Reis, Maria Cristina Motta, Renata Furlanetto
  • Paisagismo : Rodrigo Oliveira
  • Estrutura : Benedicts Engenharia – Eng. Eduardo Duprat
  • Construtor : Mfc Engenharia - Eng. Marcos Cruz
  • ´ : 6633 m²
  • Cidade : Bragança Paulista
  • País : Brasil
Mais informaçõesMenos informações
Casa Redux / studio mk27 - Imagem 46 de 53
© Fernando Guerra | FG+SG

Descrição enviada pela equipe de projeto. A Casa Redux localiza-se no interior de São Paulo, Itatiba, no condomínio chamado Quinta da Baroneza. O terreno aberto, em declive e com vista para o poente faz limite com uma grande área de preservação ambiental de mata nativa, o que determinou tanto a implantação como o partido da residência.

Casa Redux / studio mk27 - Imagem 27 de 53
© Fernando Guerra | FG+SG

A casa foi locada na cota mais alta possível, respeitando as curvas de nível existentes para, dessa forma, ganhar a vista para o por do sol e para a vegetação com o menor impacto do projeto no entorno.

Casa Redux / studio mk27 - Imagem 16 de 53
© Fernando Guerra | FG+SG

O projeto constitui-se por uma laje de piso, quatro caixas programáticas e uma laje de cobertura. Externamente à laje do piso surge um grande volume de concreto, piscina e deck, que se projeta ao longo do declive do terreno e termina flutuando através de um pequeno, porém marcante, balanço.

Casa Redux / studio mk27 - Imagem 53 de 53
Corte
Casa Redux / studio mk27 - Imagem 48 de 53
© Fernando Guerra | FG+SG
Casa Redux / studio mk27 - Imagem 52 de 53
Corte

A laje do piso, elevada 50 cm do solo, apoiada em vigas recuadas, intensifica a forma delicada em que o projeto foi implantado no terreno. Visualmente, a casa parece flutuar. O programa foi dividido em quatro blocos programáticos. O primeiro bloco contém a área íntima (quatro dormitórios e sauna), o segundo somente a suíte principal. No terceiro está contida a área de serviço (cozinha, lavanderia, sala, banheiro e quartos dos empregados). Por fim, no último bloco, a garagem e a área técnica.

Casa Redux / studio mk27 - Imagem 5 de 53
© Fernando Guerra | FG+SG

A distribuição dos blocos na laje do piso criou espaços intersticiais, configurando assim circulação, varandas e o grande espaço da sala de estar. Este último, envolto por uma pele de vidro com folhas de correr, abre-se criando um diálogo entre o interior e o exterior (mata nativa e o poente). A laje de cobertura, do mesmo tamanho da laje do piso, sobrepõe-se aos volumes programáticos que, pelas diferentes alturas, ora tocam cobertura, ora têm seu pé direito reduzido. Os vazios entre os volumes e a laje criam um ritmo interno e, ao mesmo tempo, possibilitam melhor iluminação natural no interior da construção.

Casa Redux / studio mk27 - Imagem 14 de 53
© Fernando Guerra | FG+SG

Os dois principais volumes que compreendem os dormitórios são totalmente revestidos por painéis ripados verticais de madeira que se abrem quase que totalmente. De dia, os painéis filtram a luz no interior da casa criando uma textura de luz e sombra e, à noite, transformam as caixas em grandes lanternas que iluminam o terreno.

Assista o vídeo produzido por Pedro Kok e Gabriel Kogan para Bienal de Veneza 2014 sobre este projeto aqui.

Galeria do Projeto

Ver tudoMostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa Redux / studio mk27" [Redux House / studio mk27] 06 Nov 2014. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/756836/casa-redux-studiomk27> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.