O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. "Moskva: Urban Space" investiga o futuro dos espaços públicos de Moscou na Bienal de Veneza 2014

"Moskva: Urban Space" investiga o futuro dos espaços públicos de Moscou na Bienal de Veneza 2014

"Moskva: Urban Space" investiga o futuro dos espaços públicos de Moscou na Bienal de Veneza 2014
"Moskva: Urban Space" investiga o futuro dos espaços públicos de Moscou na Bienal de Veneza 2014, © Patricia Parinejad
© Patricia Parinejad

Na estréia do pavilhão de Moscou na Bienal de Veneza, a exposição "Moskva: urban space" explora o desenvolvimento histórico dos espaços públicos e examina o progresso da cidade no contexto da proposta vencedora de Diller Scofidio + Renfro para o Zaryadye Park. Com curadoria de Sergey Kuznetsov, Arquiteto Chefe de Moscou, juntamente com Kristin Feireiss do AEDES, e organizado pelo MCA - Comitê de Arquitetura e Desenvolvimento Urbano de Moscou, a exposição acontece num momento crucial na definição do futuro do desenvolvimento urbano em Moscou. Segundo Kuznetsov, "Ao passo que a aparência de Moscou nos últimos 100 anos foi bastante determinada pela arquitetura de seus edifícios que representavam o desenvolvimento político e econômico, a singularidade urbana de hoje é baseada no "tecido conectivo" de seus espaços públicos que se tornaram criadores de identidade igualmente importantes e contribuem significativamente para melhorar a qualidade de vida urbana de seus cidadãos." A seguir mais informações sobre a exposição e algumas fotografias de Patricia Parinejad.

© Patricia Parinejad © Patricia Parinejad © Patricia Parinejad © Patricia Parinejad + 13

© Patricia Parinejad
© Patricia Parinejad

Segundo o comissário da exposição, Dmitry Aksenov do RDI Moscow, a região testemunhou dramáticas mudanças na infraestrutura pública nos últimos anos que ofereceram oportunidades de reconsiderar a identidade arquitetônica de Moscou. No início dos anos 2000 houve um excesso de construções comerciais e residenciais. Esse desenvolvimento resultou no aumento da densidade e na perda de muitos espaços públicos. No entanto, Aksenov crê que não é tarde demais para repensar a abordagem de planejamento urbano de Moscou. 

© Patricia Parinejad
© Patricia Parinejad

Como documentado pela exposição, o Zaryadye Park será o primeiro parque construído na cidade dos últimos 50 anos e reflete um desejo de Moscou de equilibrar seu enorme crescimento. O terreno que o parque ocupará outrora abrigou um grande hotel da época soviética, e recentemente foi destinado a um empreendimento residencial de alta densidade. Contudo, o efeito da crise financeira de 2008 no mercado imobiliário internacional forçou os planejadores urbanos a repensar os benefícios dos espaços públicos na sociedade.

© Patricia Parinejad
© Patricia Parinejad

For fim, foi decidido destinar os 14 hectares ao desenvolvimento de um parque público que reconhece a rica e variada história cultural de Moscou e proporciona um espaços urbano funcional para expor os mais recentes avanços da tecnologia e do design contemporâneo.

© Patricia Parinejad
© Patricia Parinejad

A exposição está montada no saguão e pátios da igreja veneziana de Santa Maria della Pieta. Os visitantes são recepcionados por um espaços escuro com prismas suspensos no forro que apresentam fotografias de edifícios icônicos. O saguão leva ao pátio interno onde uma imagens e modelos do Zaryadye Park podem ser vistos.

© Patricia Parinejad
© Patricia Parinejad

O projeto para o Zaryadye Park pretende recriar quatro biomas russos integrando microclimas artificiais ao parque. Diversas intervenções arquitetônicas permitirão aos visitantes experienciar diferentes temperaturas, níveis de umidade, insolação e ruído. 

A exposição permanece aberta para visitação até 23 de novembro. Para mais informações sobre o local e horários de visita acesse a página do projeto.

Curador: Sergey Kuznetsov
Comissário: Dmitry Aksenov
Organizado por  MCA – Moscow Committee of Architecture and Urban Development
Conceito e projeto: Kristin Feireiss / AEDES
Expositores: Diller Scofidio + Renfro em colaboração com Transsolar Klimaengineering e Rieder Group
Exposição e design de produção: TRIAD Berlin 
Fotografias: Patricia Parinejad

Cita: Rawn, Evan. ""Moskva: Urban Space" investiga o futuro dos espaços públicos de Moscou na Bienal de Veneza 2014" ["Moskva: Urban Space" Investigates the Future of Moscow's Public Realm at the 2014 Venice Biennale] 25 Ago 2014. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/625996/moskva-urban-space-investiga-o-futuro-dos-espacos-publicos-de-moscou-na-bienal-de-veneza-2014> ISSN 0719-8906