Ampliar imagem | Tamanho original
Estar na casa da rua Maracanã é estar na Lapa; é conviver com suas peculiaridades, estampadas na expectativa de descobrir até aonde seus espaços podem nos conduzir e na possibilidade que nos oferece de contemplar o avermelhado dos telhados das construções vizinhas e das fachadas de alvenaria da igreja que coroa o bairro, enquanto o sol se põe no horizonte paulistano para o qual seu descortina sua fachada posterior. Adentrar a casa não significa distanciar-se da cidade que nos leva até ela ou fechar-se num universo desconexo. Seu acesso tem de ser descoberto por detrás do mural de cerâmicas pintadas em composições pretas, brancas e vermelhas. Adentrar a casa significa, simplesmente, transpor uma sucessão de espaços, ora amplos, ora estreitos, ora iluminados, ora sombreados, que nos levam sempre a uma nova experiência. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar