Ampliar imagem | Tamanho original
A Associação Japonesa de Arte nomeou o arquiteto dinamarquês Henning Larsen como o vencedor do Praemium Imperiale de arquitetura. Criado em 1988 para comemorar o 100º aniversário da Associação Japonesa de Arte e para homenagear o falecido Príncipe Takamatsu, as premiações Praemium Imperiale prestigiam as notáveis realizações em categorias artísticas que não são reconhecidas pelo Prêmio Nobel: arquitetura, pintura, escultura, música e teatro/cinema. A premiação Praemium Imperiale consagrou: Pintura: Cai Guo-Qiang (China) Arquitetura: Henning Larsen (Dinamarca) Escultura: Cecco Bonanotte (Itália) Música: Philip Glass (Estados Unidos) Teatro/Cinema: Yoko Morishita (Japão) Em relação aos pontos considerados de Henning Larsen, o comitê da premiação declarou: “A luz parece entrar através da cobertura e das janelas, refletindo sobre os pisos e as paredes, preenchendo o espaço de forma sublime – estes efeitos de luz minimamente calculados são umas das maiores características da arquitetura de Henning Larsen.” Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar