Ampliar imagem | Tamanho original
O avanço construtivo que tem se alcançado a partir das tecnologias computacionais significam que quase não há limites no projeto da forma e geometria de um edifício. Os escritórios atuais de arquitetura levam a complexidade geométrica dos edifícios a um nível impressionante, que, sem dúvida, era imaginável há 10 anos. No entanto, mesmo que as formas complexas possam ser obtidas através de técnicas de pré-fabricação e manufaturas especiais, ainda existem limites para a complexidade das formas. Diante destas restrições, está em desenvolvimento um projeto inovador chamado ‘Freeform Construction Project’ , da Universidade de Luxemburgo. A investigação desenvolve peças de concreto de grandes dimensões através da impressão 3D, oferecendo uma gama enorme de possibilidades aos processos de manufatura e pré-fabricação na construção e arquitetura. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar