Ampliar imagem | Tamanho original
Imagens via IAB-BAImagens via IAB-BAPrancha 1 - Imagens via IAB-BAPrancha 2 - Imagens via IAB-BA Uma cidade que se criou construindo edificações de adobe alinhadas às ruas íngremes que se estendem sobre o morro na frente da Bahia de Todos os Santos. Essas edificações que acompanham a topografia vão adaptando seus níveis de acesso à inclinação, formando tantas plataformas horizontais como edifícios, e modificam o terreno natural em ambos os lados da rua, numa série de planos escalonados. No mesmo momento em que aparecem os edifícios alinhados nas ruas inclinadas do Pelourinho, criam-se com planos horizontais, as calçadas, as entradas dos edifícios… e de maneira quase espontânea, os quintais no interior dos quarteirões. Estes largos interiores são hoje a oportunidade de arejar o tecido urbano, criando espaços de convívio para a população local e visitante. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar