O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Capela
  4. Espanha
  5. Alejandro Beautell
  6. 2013
  7. Capela de São João Batista / Alejandro Beautell

Capela de São João Batista / Alejandro Beautell

Capela de São João Batista / Alejandro Beautell
Capela de São João Batista / Alejandro Beautell, © Efraín Pintos
© Efraín Pintos

© Efraín Pintos © Efraín Pintos © Efraín Pintos © Efraín Pintos + 24

  • Arquitetos

  • Localização

    Tenerife, Ilhas Canarias, Espanha
  • Equipe

    Jorge Díaz, Eloy Fernández,
  • Cliente

    Tenerife Bishopric
  • Área

    77.15 m2
  • Ano do Projeto

    2013
© Efraín Pintos
© Efraín Pintos

Descrição enviada pela equipe de projeto. Foi solicitado a elaboração de um projeto para um edifício destinado ao culto religioso católico, na tipologia de capela ou santuário para São João Batista. O templo, segundo requerimentos da propriedade, admitirá uma capacidade aproximada de 40 pessoas e a frequência de celebração litúrgica será semanal. Dada a atual situação econômica, foi solicitado uma edificação onde se otimizasse os limitados recursos disponíveis.

© Efraín Pintos
© Efraín Pintos

A edificação projetada se adapta a forma do terreno, como resultado desta adaptação geométrica se obtém um triângulo desigual ou escaleno. Assim deste modo, a capela se projeta como um único volume de forma triangular em projeção horizontal, com acesso a partir do lado oposto ao ângulo mais agudo do triângulo. Desta maneira, o espaço vai se estreitando em planta, e elevando em altura, conforme vamos nos aproximando do altar (do latin altare, de altus "elevação"), que se constitui como o elemento principal do templo.

© Efraín Pintos
© Efraín Pintos

Na entrada, aos pés da capela, se dispõe a fonte de batismo rodeada de um espaço livre de bancos, destinado à celebração deste sacramento. Este espaço permitirá também abrigar fiéis em pé durante as celebrações mais populosas. Na sequência, se localiza a assembléia, distribuida em quatro bancos monolíticas que nascem da parede do Evangelho. O presbitério se eleva sobre uma plataforma de dois degraus, iluminada de maneira natural, lateralmente por um vazio, resultado de deslocar a parede da Epístola. Nesta parede se projeta uma Via Crucis composta por 14 cruzes em baixo relevo no concreto. No eixo do presbitério, e na posição dominante, se situa o altar e a sua esquerda, em um nível mais baixo, o púlpito.
O santuário se dispõe ao fundo, alinhado com o altar e posicionado em uma fenda que, da mesma maneira que a cruz talhada no concreto, se eleva buscando a vertical. Neste ponto se produz uma importante entrada de luz zenital que qualifica o espaço resultante. Em relação a materialidade, a construção resulta de grande austeridade, a simplicidade dos amteriais utilizados e o emprego de recursos tais como a iluminaçãonatural, dotam a edificação de um caráter áustero que bsuca o essencial. 

© Efraín Pintos
© Efraín Pintos

Seguindo esta linha, o concreto aparente, em contraste com o acabamento áspero à la tiroliana (feito de pedras vulcânicas esmagadas), junto com a interação de luz sobre isso, constituem a materialidade do projeto. Assim desse modo, se prescreve o concreto flutuante para o pavimento da nave, concreto lavado apra o volume do presbitério, e concretos bombeados bruto para o fundo do altar ou retábulo e a parede da Epístola; o concreto bombeado será mais leve nas peças que formam o altar e o púlpito. A porta se materializará em uma estrutura de aço oculta sob chapas do mesmo material com amplos tiradores cruciformes também de aço para pintar.

© Efraín Pintos
© Efraín Pintos

O triângulo ou trígono é um polígono determinado por três vértices que dentro da tradição cristã simboliza o Mistério da santíssima Trindade - um só Deus em três pessoas distintas - cada um dos vértices é parte do mesmo triângulo, representando o Místério de Deus em Si mesmo: Pai, Filho e Espírito Santo. Assim desse modo, o triângulo se converte no fio condutor do projeto. O altar se situará no ângulo mais agudo do mesmo e sua bicetriz constituirá o eixo principal do templo. Tal eixo vai percorrer os distintos estágios da vida de um cristão, começando pelo batismo, passando a fazer parte da assembleia e finalizando an comunhão do banquete celestial. Assim, deste modo, a fonte batismal, o altar, o sagrado e a cruz, se encontram alinhadas, como metáfora da linha da vida.

© Efraín Pintos
© Efraín Pintos

A vida de São João Batista, titular da capela, foi um exemplo de sobriedade e austeridade. João é apresentado como uma figura ascética, Jesus se contrapôs àquelas que "estão nos palácios reais" e "vestem finos trajes". O estilo de João Batista deveria inspirar todos os cristãos a escolher a sobriedade como modo de vida. Assim como João se difiniu como "a voz que clama no deserto", a capela que levará seu nome clamará também contra os excessos do passado e será a precursora de um novo modo de fazer, um testemunho de que uma nova arte sacra é possível.

© Efraín Pintos
© Efraín Pintos

A austeriadade não era somente uma convicção moral, foi uma necessidade em todas as fases do projeto... não tínhamos ouro, mas tínhamos a luz, não tínhamos mármore, mas o concreto nos valia, não há filigramas de gesso, mas o tiroliano triturado nos serviu, tampouco encontrarão luminárias de cristal, mas quando cai a tarde, as lâmpadas nos iluminarão da mesma maneira. Através do emprego de recursos próprios de arte, e a partir de uma visão intencionalmente contemporânea, se buscou imprimir à peça um forte caráter de simplicidade e verdade.

Corte
Corte

Ver a galeria completa

Cita: "Capela de São João Batista / Alejandro Beautell" [Ermita de San Juan Bautista / Alejandro Beautell] 12 Fev 2014. ArchDaily Brasil. (Trad. Márquez, Leonardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/176660/capela-de-sao-joao-batista-slash-alejandro-beautell> ISSN 0719-8906