Ampliar imagem | Tamanho original
Asiain, uma pequena cidade de Olza Cendea, planejou seu cemitério com um programa simples: um espaço para abrigar os túmulos e um galpão para a sala de autópsia e depósito. As dimensões são reduzidas e á área dos visitantes é coberta, para que fiquem protegidos da chuva e do vento.  Este novo pavilhão foi feito em concreto armado (paredes, teto e piso) e se fecha para o exterior através dos perfis estruturais em forma de grade retangular. O acesso se dá através de uma grande porta formada pelos mesmos perfis moldados. O depósito e a sala de autópsias são delimitados por painel metálico leve cinza claro. A parede que separa o atual cemitério e a sua ampliação se rebaixa a uma altura de 1,50 metros, estabelecendo uma ligação física e visual na sua extremidade. O trabalho foi concluído com percursos de cascalho e com a restauração de uma antiga pia batismal renascentista se encontra na varanda de acesso de forma escultural. Veja mais Veja a descrição completa
Compartilhar Compartilhar